Porto Velho (RO) quarta-feira, 15 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Mudança de pulso para minuto pode encarecer conta de telefone em 160%


Agência O GloboSÃO PAULO - A mudança de pulso para minuto vai desagradar a muitos consumidores, já que os gastos com a conta de telefone devem subir. Em comparação com o método atual de cobrança, apenas as ligações de até um minuto ficarão mais baratas nos planos de oferta obrigatória (básico e alternativo) da Agência Nacional e Telecomunicações (Anatel).Em chamadas que excederem essa duração, a diferença nos preços pode chegar a até 159,56%, segundo cálculos da Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Pro Teste).- A conta de telefone deve ficar cerca de 50% mais cara com a mudança de tarifação - projeta Marcos Crivelaro, professor da Faculdade de Informática e Administração Paulista (FIAP).O consumidor precisa saber escolher o plano certo para não sair no prejuízo.- O básico é para quem faz chamadas curtas (de até 3 minutos). Para os outros, o melhor é o plano alternativo - afirma Cristiane Souza, coordenadora de estudos de mercado do Pro Teste.

Mais Sobre Política - Nacional

Sonegação de R$ 26 bi do Itaú vai a julgamento. É a maior da história

Sonegação de R$ 26 bi do Itaú vai a julgamento. É a maior da história

Está revogada a decisão do Carf que havia livrado o banco de pagamento de multa de R$ 26 bilhões por sonegação de impostos; é a maior da história...

Bancários se manifestam em Brasília em defesa de bancos públicos

Bancários se manifestam em Brasília em defesa de bancos públicos

Bancários protestam contra as resoluções da Comissão Interministerial de Governança Corporativa e de Administração de Participações Societárias da Uni

Trabalhadores de todas as idades já podem sacar cotas do Pis/Pasep

Trabalhadores de todas as idades já podem sacar cotas do Pis/Pasep

Trabalhadores de todas as idades que tiverem direito a cotas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servid

Herança de Temer continua em 'construção': 79,5 mil moradias populares são canceladas

Herança de Temer continua em 'construção': 79,5 mil moradias populares são canceladas

Em reunião ocorrida no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), em Brasília (DF), lideranças dos movimentos populares foram informadas q