Porto Velho (RO) domingo, 18 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Ministro do TSE pune Lula por invasão no horário eleitoral


Agência O Globo BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi punido nesta segunda-feira pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com a perda de 2 minutos e 29 segundos em um dos programas da propaganda eleitoral. A decisão foi tomada porque o ministro Marcelo Ribeiro entendeu que houve invasão do horário eleitoral do candidato petista ao governo do Paraná, Flávio Arns.A coligação que representa o presidente, já protocolou recurso no TSE e a manutenção da punição vai ser decidida pelo Plenário do Tribunal. A ação foi apresentada ao TSE pela coligação PSDB-PFL, que reclamava que o presidente Lula teria aparecido no horário reservado ao candidato a governador para exaltar realizações de seu governo, como o programa Bolsa Família, programas de agricultura familiar e o Pronaf.Na decisão, o ministro Marcelo Ribeiro afirmou que "a intenção da propaganda foi promover a candidatura do presidenciável Luiz Inácio Lula da Silva, no tempo destinado ao candidato a governador. Os candidatos a presidente da República têm espaço para suas propagandas nas terças, quinta-feiras e sábados, enquanto ao governo dos estados nas segundas, quartas e sextas-feiras. Logo, o candidato favorecido acaba realizando propaganda eleitoral todos os dias, com real chance de desequilibrar o pleito eleitoral."

Mais Sobre Política - Nacional

 JUSTIÇA SUÍÇA APONTA R$ 43,2 MILHÕES EM FINANCIAMENTO ILEGAL DE SERRA

JUSTIÇA SUÍÇA APONTA R$ 43,2 MILHÕES EM FINANCIAMENTO ILEGAL DE SERRA

Dinheiro para financiar a campanha presidencial do PSDB

Jair Bolsonaro diz que programa Mais Médicos não será suspenso

Jair Bolsonaro diz que programa Mais Médicos não será suspenso

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, disse ontem (14) que manterá o programa Mais Médicos e vai substituir os cerca de 8.500 profissionais cubanos p

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

A juíza federal substituta Gabriela Hardt negou, nesta terça-feira (13), o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele