Porto Velho (RO) domingo, 19 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Ministro da Previdência diz que governo deve mudar regras de auxílio-doença


Claudio de Souza - Agência O GloboCURITIBA - Apesar de o governo estar recebendo propostas da sociedade civil sobre a reforma da Previdência, o ministro da Previdência, Nelson Machado, descartou mudanças mais profundas na legislação do sistema previdenciário no momento. O ministro, que participou da abertura do 27º Congresso Brasileiro de Fundos de Pensão, afirmou que ainda há como melhorar muito a gestão da Previdência, inclusive com mudanças em algumas regras infra-legais, para reduzir o déficit, estimado em R$ 42 bilhões em 2006. Uma das mudanças em estudo é no auxílio-doença.- Tem muita coisa a fazer antes de se pensar em mexer nos direitos do trabalhadores e aposentados - disse o ministro.Machado, no entanto, não disse até quando as melhorias na gestão seriam suficientes para resolver o problema do déficit previdenciário. Perguntado se eventuais mudanças nas regras previdenciárias - como a elevação da idade mínima de aposentadoria e a desvinculação do salário mínimo dos benefícios - estariam descartadas por todo o segundo mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ministro respondeu:- Não tenho bola de cristal.O ministro ressaltou que a melhoria na gestão da previdência aliada ao crescimento do emprego formal, com carteira assinada, já vem dando resultados e reduzindo o déficit. Segundo ele, no início do ano, a estimativa era de que rombo chegasse a R$ 50 bilhões em 2006 e que, agora, sabe-se que o déficit será R$ 8 bilhões menor.

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di