Porto Velho (RO) sexta-feira, 18 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Maggi diz que faltou discussão sobre participação dos estados no PAC


Luiza Damé e Chico de Gois - Agência O Globo

BRASÍLIA - O governador do Mato Grosso, Blairo Maggi, disse nesta segunda-feira que o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) é bom, mas questionou de onde os governos estaduais irão tirar recursos para investir. Segundo ele, faltou discussão.

- O que faltou foi uma discussão de como é que os governadores vão participar com estes R$ 8 bilhões pelos quais ficaram responsáveis de participar no PAC. Os estados não têm capacidade de endividamento e nem de buscar recursos no sistema financeiro ou qualquer outro local. O programa é bom, só depende de dizer onde os estados vão buscar o dinheiro para fazer a contrapartida - afirmou.

Já o petista Jaques Wagner, da Bahia, foi só elogios a Lula pela iniciativa:- Eu vi a ousadia do presidente de criar um ambiente favorável para um processo de crescimento. A economia tem muito de psicologia, de motivação. Logo no início do ano o presidente lançar um programa desses é dizer aos empresários, trabalhadores, à classe política e ao Parlamento que está disposto a trabalhar o que puder para acelerar o crescimento. O ambiente, por si só, já é positivo para a economia.

Mais Sobre Política - Nacional

HASTA LA VISTA, BAMBINO

HASTA LA VISTA, BAMBINO

Césare Battisti buscou a proteção de Evo Morales, seu aliado de esquerda.

Jair Bolsanaro assina decreto e  pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

Jair Bolsanaro assina decreto e pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

A partir do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro hoje (15), no Palácio do Planalto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão compra

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

São casos exemplares que demonstram comportamentos opostos dos governos

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

O governo federal vai fazer uma auditoria em 2 milhões de benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que têm indícios de irregul