Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Lula recebe manifesto e defende pacto pelo livro


Agência O Globo BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu que seja estabelecido um "pacto pelo futuro do livro" no Brasil. Ao anunciar que o governo federal pretende, com a criação do Plano Nacional do Livro e Leitura (PNLL), dobrar até 2010 o índice nacional de leitura, atualmente de 1,8 livros por habitante/ano -, ele propôs uma parceria mais forte entre o Estado e sociedade para estimular a população a ler mais."É da nossa responsabilidade não permitir que uma criança, por não ter poder aquisitivo, não possa ler os livros necessários ao seu aprendizado", afirmou o presidente .As declarações do presidente foram feitas durante um encontro com personalidades do mundo do livro, no Palácio do Planalto, para receber o Manifesto do Povo do Livro, assinado por mais de 3 mil escritores, editores, livreiros, bibliotecários, professores, estudantes e artistas. Lula recebeu o documento de um grupo de escritores como Ignácio Loyola Brandão e Márcio Souza e de dirigentes das entidades da cadeia produtiva do livro no Brasil."O livro e a leitura devem se transformar, de fato, em pólos disseminadores de humanismo para o desenvolvimento e o aperfeiçoamento da sociedade", defendeu Lula, que desafiou os editores e escritores a se unirem ao governo para "inventar juntos" novos meios para motivar a leitura. "Melhorar a escola pública e a qualidade da educação é, afinal, uma das alavancas para vencer a batalha a favor do livro, da leitura e da educação, que assegura, de fato, um ponto de partida igual para todos", acrescentou ele.

Mais Sobre Política - Nacional

Delfim Netto: “Próximo presidente vai ser impichado”

Delfim Netto: “Próximo presidente vai ser impichado”

Não é uma previsão catastrofista, garante, mas uma "leitura simples" a partir do que o sistema político-eleitoral foi capaz de produzir até hoje

Gleisi vence de goleada acusação farsesca: 5 a 0

Gleisi vence de goleada acusação farsesca: 5 a 0

Por unanimidade, a 2ª Turma do STF absolveu a senadora Gleisi Hoffmann, seu marido, o ex-ministro Paulo Bernardo, e o empresário Ernesto Kugler das ac

STF confirma julgamento da liberdade de Lula no dia 26

STF confirma julgamento da liberdade de Lula no dia 26

Após a convocação de uma sessão extraordinária para a próxima terça-feira, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal confirmou a inclusão na pauta

Pimenta avisa: CPI das delações fará seu trabalho

Pimenta avisa: CPI das delações fará seu trabalho

A quem interessa tolher o poder de investigação do Parlamento brasileiro?