Porto Velho (RO) quarta-feira, 23 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Lula quer construir mandato da convergência e vai falar com Serra e Aécio


Cristiane Jungblut - Agência O GloboBRASÍLIA - Durante uma rápida entrevista no Palácio do Planalto, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta terça-feira que ficou muito satisfeito com o encontro de hoje com o PDT e que a formação de um governo de coalizão será uma "experiência nova" no país. Lula afirmou que o "mandato da divergência acabou" e confirmou que vai chamar, em breve, os governadores tucanos eleitos de São Paulo, José Serra, e de Minas Gerais, Aécio Neves, para uma conversa. Os encontros serão individuais e devem ocorrer até meados de dezembro, embora o presidente ainda não tenha definido o dia certo.- Esse mandato acabou, o mandato da divergência acabou e agora a gente pode construir o mandato da convergência. E o PDT é uma peça fundamental. Vou chamá-los (Serra e Aécio) para conversar porque eles são meus amigos, antes de tudo - disse Lula aos jornalistas, depois de participar de uma cerimônia em que entregou títulos de posse a nove comunidades Quilombola.Lula disse que não discutiu cargos com o PDT e, sim, a participação do partido no chamado governo de coalizão. - Discutimos política pública de crescimento e desenvolvimento da economia. Foi uma boa reunião. As pessoas estão se dando conta que a tarefa de construir o Brasil não é de um partido político e de uma pessoa. É uma experiência nova no Brasil governar com coalizão. Mas o que ficou provado do processo eleitoral é que o povo conseguiu saber o que era turbulência de verdade, o que era encenação política, o que era jogo eleitoral. O povo deu uma lição de sabedoria política em todos nós e temos que apreender isso - disse Lula, ressaltando que PDT e PT têm uma relação histórica "muito profunda".

Mais Sobre Política - Nacional

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que