Porto Velho (RO) quarta-feira, 29 de junho de 2022
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Lula não participará de festa de Dilma porque 'dia é dela'



O presidente Luiz Inácio Lula da Silva não aparecerá publicamente neste domingo ao lado de Dilma Rousseff (PT) se ela for eleita sua sucessora.

Segundo o chefe de gabinete de Lula, Gilberto Carvalho, ele tomou essa decisão porque o "o dia é dela". Carvalho Afirmou que Lula está aguardando a apuração nacional "tranquilo e sereno" e que acredita na eleição de Dilma.

O presidente está acompanhando os resultados nos Estados no cinema do Palácio da Alvorada. Ele comemorou a eleição de Agnelo Queiroz (PT) ao governo do DF. Disse que a estratégia petista na capital federal "deu certo."

Carvalho disse que Dilma acompanhará parte da apuração em casa e, depois, seguirá para um hotel para fazer pronunciamento. Em seguida, deverá passar na festa de Agnelo, na Esplanada dos Ministérios e, mais tarde, encontrará com o presidente Lula e governadores eleitos no Alvorada.

FONTE: FOLHA ONLINE /  SIMONE IGLESIAS
 

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu