Porto Velho (RO) domingo, 24 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Lula homenageia Sivuca e Niemeyer


Luiza Damé - Agência O GloboBRASILIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou, na manhã desta sexta-feira, da inauguração do Museu da República e da Biblioteca Nacional de Brasília, projetos do arquiteto Oscar Niemeyer, que hoje completa 99 anos. As construções, juntas, formam o Complexo Cultural da República e estão localizadas na Esplanada dos Ministérios, próximo à Catedral.No discurso, Lula fez uma homenagem ao músico Sivuca, que morreu na noite de quinta-feira, e a Niemeyer. A inauguração marca também o ano do centenário do arquiteto.- Nós temos muito orgulho de termos nascido num país que tem como filho, Niemeyer - disse lula, acrescentando que:- A vida não é só de alegria. Perdemos hoje uma das extraordinárias figuras culturais deste país, o querido Sivuca. Ele foi um artista completo e certamente fará falta à cultura brasileira - afirmou.Para Lula, com a conclusão do Complexo Cultural da República, Niemeyer vai ver concluído seus projetos para Brasília:- Certamente, no dia em que Niemeyer não estiver entre nós, ele saberá que se foi quando todos os seus filhos projetados para Brasília ficaram concluídos.O museu da República e a Biblioteca Nacional foram construídos pelo governo do Distrito Federal em dois anos e custaram cerca de R$ 110 milhões. O complexo abrigará ainda restaurantes, cafés e lojas numa área total de 91,8 mil m2. Ao falar da obra, Lula elogiou a governadora do DF, Maria de Lourdes Abadia (PSDB), e o ex-governador Joaquim Roriz (PMDB), eleito senador.- Um projeto, por mais bonito que seja, só se transforma em realidade quando tem gente com coragem para fazer. Fazer uma obra como essa é um ato de coragem, porque poderia estar pronta, mas só agora (alguém) se dá conta de que Brasília precisa - disse.O presidente acabou fazendo uma crítica a Brasília: - Brasília é uma cidade extraordinária, pelo menos para quem mora nas regiões mais próximas ao centro de Brasília.O Complexo Cultural da República homenageia Leonel Brizola, que foi o único político brasileiro a governar dois estados diferentes (Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro), morto em 2004, e o estudante da Universidade de Brasília (UnB), Honestino Guimarães, que desapareceu na ditadura militar.No discurso, Lula lembrou que, segundo pesquisa do IBGE, a cultura é o quarto item de consumo do brasileiro:- Isso nos deixa feliz, mas aumenta a responsabilidade para satisfazer os anseios do povo, por cada vez mais acesso aos bens culturais. No nosso governo, nós fizemos um esforço grande no sentido de promover a rica diversidade cultural do Brasil.

Mais Sobre Política - Nacional

Oscar Maroni elogia Sérgio Moro e diz estar otimista com o novo governo

Oscar Maroni elogia Sérgio Moro e diz estar otimista com o novo governo

O empresário Oscar Maroni, fala sobre politica, economia e empreendedorismo e se diz esperançoso sobre o futuro do país Oscar Maroni, empresário nos s

Igreja Católica reage à ofensiva do governo: Evaristo Pascoal Spengler. "Só vimos na ditadura"

Igreja Católica reage à ofensiva do governo: Evaristo Pascoal Spengler. "Só vimos na ditadura"

A Igreja Católica começa a reagir à ação de espionagem do governo Bolsonaro contra o Sínodo da Amazônia que terá como ponto culminante um encontro no

Senador Marcos Rogério diz que PEC sobre aborto deve ser debatida na CCJ

Senador Marcos Rogério diz que PEC sobre aborto deve ser debatida na CCJ

O senador Marcos Rogério (RO) disse que a proposta de emenda à Constituição (PEC 29/2015) que altera o artigo 5º da Constituição para determinar a “in

Ciro Gomes é vaiado e responde: “O LULA TÁ PRESO, BABACA”

Ciro Gomes é vaiado e responde: “O LULA TÁ PRESO, BABACA”

Ciro Gomes repetiu o que fez seu irmão Cid no segundo turno das eleições e chamou um militante do PT de "babaca", nesta quinta-feira (7), durante a Bi