Porto Velho (RO) segunda-feira, 23 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Lula diz que não fará 'salada de frutas' na composição do governo


Luiza Damé - Agência O GloboBRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta quarta-feira que não tem pressa para montar a equipe do segundo mandato, mas indicou que o PT poderá perder espaço na nova composição do governo. Ele argumentou que o partido já tem o cargo mais importante no governo, que é o de presidente da República. Lula disse ainda que o governo será composto de forma diferente no segundo mandato, mas garantiu que não vai fazer uma 'salada de frutas'.- Não estou discutindo isso porque o governo será composto de forma diferente. Não faremos uma partilha, uma salada de frutas. Eu quero construir uma aliança com os partidos políticos. O que importa são as políticas públicas que o governo vai colocar em prática. O PT vai ter a participação no governo que tenha o tamanho do PT. Aliás, o PT já tem o cargo mais importante do governo, que é o de presidente da República. Já é uma boa representação - afirmou.O presidente disse que há muita ansiedade na imprensa, e que sua decisão não será influenciada por notícias sobre eventuais trocas de ministro. Lula também não descartou a possibilidade de renúncia coletiva de ministros, como defende a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff.- Estou acompanhando a imprensa e há uma inquietude com a questão do Ministério. Eu ainda não pensei em um único nome. Nem quem fica nem quem vai entrar. Estou muito tranqüilo. Temos dois meses ainda de mandato para cumprir. O novo mandato vai começar no dia 1º de janeiro. Na hora que eu tomar a decisão vocês vão saber. Vai ter momento para tudo. Não vão ser as manchetes e as notícias de que sai fulano e entra beltrano que vão me fazer tirar ou colocar ministro. Tenho todo o tempo do mundo e vou fazer isso com a tranqüilidade de quem precisa acertar.O presidente disse que sua prioridade neste momento são os projetos de infra-estrutura, e que pretende anunciar medidas nessa área até o fim deste mês, o mais tardar no início de dezembro.- Estou pensando agora. Estou trabalhando todo santo dia, me reunindo com ministros para ver a questão da infra-estturutra, onde está a dificuldade, onde temos problemas de licenciamento prévio, onde temos problemas de recursos, porque quero anunciar medidas de infra-estrutura ainda este mês, o mais tarde no começo de dezembro.

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç