Porto Velho (RO) terça-feira, 13 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Lula chama envolvidos na compra do dossiê de 'bando de aloprados'


Agência O GloboRIO - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, candidato à reeleição, chamou nesta segunda-feira seus assessores diretos envolvidos na compra do dossiê contra tucanos de "um bando de aloprados". Em entrevista concedida nesta manhã a duas rádios populares de São Paulo e uma do Rio de Janeiro, Lula disse não se arrepender das escolhas que vez, fazendo uma comparação com quem que descobre após anos de namoro que se casou com a pessoa errada.- Assim que é a vida humana. Você escolhe um companheiro para determinada função. No caso do pessoal que cuidava da pseudo-inteligência da minha campanha nem fui eu que escolhi. Quem escolheu foi o presidente do partido, que era o coordenador da campanha eleitoral - disse, referindo-se a Ricardo Berzoini. - Eu quero saber não apenas de onde veio o dinheiro. Eu quero saber quem foi que mudou a engenharia política para essa barbárie que foi feita. Eu quero saber quem é o engenheiro que arquitetou uma loucura dessas. Se um bando de aloprados resolveu comprar um dossiê, é porque alguém disse para eles que esse dossiê deve ter coisas do arco da velha. Então eu não quero saber apenas de onde veio dinheiro. Quero saber o conteúdo que levou essas pessoas a cometer a barbárie. Eu quero saber o conjunto da obra.O presidente voltou a afirmar disse que não tinha conhecimento sobre o dossiê e nem sobre o escândalo do mensalão. Lula disse que essa é uma pergunta que ele tem obrigação de responder, mas que a resposta veio do governo, que não se opôs à ampla investigação de três CPIs.

Mais Sobre Política - Nacional

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

A juíza federal substituta Gabriela Hardt negou, nesta terça-feira (13), o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

A pasta seria ocupada inicialmente pelo general Augusto Heleno

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

O exame tem validade de cinco anos para condutores com menos de 65 anos.

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro e Boulos precisam decidir se querem dar um passo em frente ou dois passos atrás.