Porto Velho (RO) quarta-feira, 15 de julho de 2020
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Lula buscará todos os partidos


Agência O Globo O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse neste domingo que confirmada sua reeleição, como prevêem as pesquisas, vai procurar os partidos que o apoiam e a oposição para discutir ``os grandes projetos que o Brasil precisa''. Falando já como vitorioso, o presidente disse que o país vai sair ``mais unido do que nunca'' do processo eleitoral e que a democracia vive um ``momento mágico.'' Para ele, o resultado representa a aprovação de seu governo. ``A reeleição é uma coisa importante. Estou feliz porque o povo brasileiro soube reconhecer o trabalho destes quatro anos e foi muito generoso'', disse Lula a jornalistas depois de votar em uma escola pública em São Bernardo, seu berço político. Para o presidente, o resultado das eleições devem encerrar a fase mais aguda da disputa política. Todos os institutos de pesquisa apontam uma vantagem de mais de 20 pontos percentuais de Lula sobre o candidato do PSDB, Geraldo Alckmin. ``Disputas políticas sem acirramento não têm sentido'', disse Lula sobre a radicalização das últimas semanas. ``Quando chegar às 17 horas, vão abrir as urnas e aí não tem choro, nem vela, será o resultado final'', acrescentou o presidente. Lula destacou que passada a eleição terá que continuar a governar o país e que buscará um diálogo com todos os partidos.''Vamos costurar todas as alianças necessárias para que a gente tenha tranquilidade e possa aprovar os grandes projetos que o Brasil precisa'', disse. Lula insistiu que pretende ``conversar com todos os partidos políticos, da oposição, da situação, e com os governadores'', nos próximos dias. ``Vamos ter de discutir o Brasil com muito mais amor, com mais compromisso para os próximos anos''. Como faz todos os anos, Lula votou na escola estadual João Firmino, no bairro Assunção, em São Bernardo do Campo, onde foi recebido por uma multidão. O presidente foi praticamente carregado nos braços de simpatizantes ao deixar a escola. ``É o prazer de alguém que sabe que o seu trabalho está sendo reconhecido pela sociedade'', comemorou o presidente. MOMENTO MÁGICO Logo depois de votar, Lula deu uma declaração para dezenas de jornalistas do Brasil e de vários países. Para ser focalizado por todas as câmeras, o presidente teve de subir sobre um caixote de madeira de cerca de 20 centímetros, mas relutou bastante antes de fazê-lo. ``Quero agradecer o povo brasileiro pelo momento mágico que vive a democracia'', iniciou Lula. O presidente voltou a dizer que foi positivo, para ele e para o país, a necessidade de uma disputa em segundo turno. ``No segundo turno, o povo nos deu uma lição e nos disse: 'eu existo e quero ser o ator principal, não quero mais ser coadjuvante'''. Segundo Lula, depois das eleições ``o Brasil viverá um outro momento'', de crescimento e distribuição de renda e prioridade para a educação. ``Aos que achavam que o Brasil estava se dividindo, o resultado desta eleição vai mostrar que o Brasil está mais unido do que em qualquer momento da nossa história'', afirmou o presidente.

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu