Porto Velho (RO) domingo, 19 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Lula apresenta recursos e obras do programa de crescimento aos estados


Agência O GloboBRASÍLIA E RIO - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai apresentar nos próximos dias um levantamento de quanto cada estado será beneficiado, com recursos e obras, dentro do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

A intenção é tentar sensibilizar os governadores e garantir o apoio deles às medidas do programa, que será lançado na segunda-feira. Lula afirmou que não vai mexer na Lei de Responsabilidade Fiscal e nem renegociar as dívidas dos estados com a União.Preocupados com a reação dos governadores, integrantes do governo colocaram em campo uma operação política para explicar as medidas e mostrar aos dirigentes dos estados que eles não devem perder recursos.

Tarso Genro, coordenador da operação, disse na noite de quinta-feira que as desonerações previstas no programa não prejudicarão os estados. Segundo ele, as isenções serão para o futuro e não afetarão investimentos em andamento. Tarso já conversou com governadores aliados, como Jaques Wagner (BA), Eduardo Campos (PE) e Roberto Requião (PR), e da oposição, como Yeda Crusius (RS).

Na segunda-feira, antes do lançamento do programa, às 11h, serão feitas duas reuniões: uma às 9h, com os presidentes dos partidos da base aliada e o conselho político, e outra com os governadores. Depois disso, o programa será lançado numa cerimônia no Palácio do Planalto. As diretrizes serão explicadas pelos ministros Guido Mantega (Fazenda) e Dilma Rousseff (Casa Civil).Embora o pacote conte com a simpatia de governadores como Sérgio Cabral e Jaques Wagner, outros temem a redução das receitas de seus estados, que dependem de repasses federais, com as desonerações previstas no programa.

A reunião com governadores na segunda-feira, em Brasília, tem também o objetivo de traçar uma agenda de trabalho para discutir as reformas política e tributária.

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di