Porto Velho (RO) segunda-feira, 14 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Lula a Aldo e Chinaglia: não quer brincadeira


Maria Lima, Gerson Camarotti e Cristiane Jungblut - Agência O GloboBRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva interferiu pessoalmente na sucessão da Câmara, ao se encontrar, separadamente, com o candidato do PT à Presidência da Câmara, Arlindo Chinaglia (SP), e, mais tarde, com o presidente da Câmara e candidato à reeleição, Aldo Rebelo (PCdoB-SP).Segundo interlocutores do presidente, Lula quis saber da situação na Casa e disse que "não quer brincadeira" na disputa, reafirmando o discurso de que é importante a base estar unida e que não pode haver surpresas, como uma derrota. Mas assessores negam que Lula tenha pedido para algum dos candidatos desistir.O deputado Arlindo Chinaglia, por meio de assessores, disse que "saiu bem satisfeito" do encontro. Aldo Rebelo, por meio da assessoria, informou que confirmou sua candidatura ao presidente Lula. Os dois reafirmaram que o presidente não pediu a retirada da candidatura de um em favor de outro.Proposta de prévia e ofertas ao PMDBChinaglia, desafiou, nesta quarta, o presidente da Câmara a participar de uma prévia na base aliada para que se tenha um candidato único na disputa pelo comando da Câmara. Chinaglia fez a proposta assim que saiu de encontro com o presidente do PMDB, Michel Temer. Mais cedo, Aldo partira para o ataque ao fazer a Temer proposta igual à feita pelo PT, comprometendo-se com a candidatura do PMDB em 2009 em troca de apoio agora.PFL, PP e PSDB não aceitam dar cheque em branco aos peemedebistas, mas concordam que o PSB e o PCdoB assinem o acordo em favor de Aldo. Para aliados de Aldo, é o naufrágio da candidatura Chinaglia.- Isso mostra que a candidatura do Aldo está crescendo. O PFL não pode assinar um acordo desses porque o PMDB não respeitou o regimento que dá a maioria ao PFL no Senado, para disputar lá a presidência. Mas respeita se o PSB e o PCdoB assinarem. O Aldo, como presidente da instituição, também não deve assinar - ponderou o líder do PFL, Rodrigo Maia (RJ), do núcleo da campanha pela reeleição.

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç