Porto Velho (RO) quarta-feira, 15 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Justiça nega foro privilegiado para ex-ocupantes de cargos públicos


Agência O GloboBRASÍLIA - O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu que ex-ocupantes de cargos públicos não têm direito a foro especial. A medida foi tomada após recurso apresentado pelo ex-prefeito de Cachoeiro de Itapemerim (ES), José Tasso Andrade, que pediu foro privilegiado após ser denunciado por improbidade administrativa.Andrade baseou seu pedido numa lei de 2002, que modificou o Código de Processo Penal. Segundo a lei, ex-ocupantes de cargos teriam direito a ser julgados com privilégios. Mas segundo o STJ, o Supremo Tribunal Federal (STF) já julgou inconstitucional a mudança no código, e a nova lei não teria validade."A decisão do STF resolveu completamente a controvérsia sobre a matéria. Não há foro privilegiado após o fim da função pública e não é possível estender tal foro por prerrogativa de função, aplicado em processos penais, às ações de improbidade administrativa", destacou o relator do caso no STJ, ministro Teori Zavascki.

Mais Sobre Política - Nacional

Sonegação de R$ 26 bi do Itaú vai a julgamento. É a maior da história

Sonegação de R$ 26 bi do Itaú vai a julgamento. É a maior da história

Está revogada a decisão do Carf que havia livrado o banco de pagamento de multa de R$ 26 bilhões por sonegação de impostos; é a maior da história...

Bancários se manifestam em Brasília em defesa de bancos públicos

Bancários se manifestam em Brasília em defesa de bancos públicos

Bancários protestam contra as resoluções da Comissão Interministerial de Governança Corporativa e de Administração de Participações Societárias da Uni

Trabalhadores de todas as idades já podem sacar cotas do Pis/Pasep

Trabalhadores de todas as idades já podem sacar cotas do Pis/Pasep

Trabalhadores de todas as idades que tiverem direito a cotas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servid

Herança de Temer continua em 'construção': 79,5 mil moradias populares são canceladas

Herança de Temer continua em 'construção': 79,5 mil moradias populares são canceladas

Em reunião ocorrida no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), em Brasília (DF), lideranças dos movimentos populares foram informadas q