Porto Velho (RO) segunda-feira, 18 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Justiça condena MST ao pagamento de R$ 60 mil por danos à União


A Justiça Federal em Brasília condenou ontem (12) o Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra (MST) e a Via Campesina ao pagamento de R$ 60 mil à União por danos causados durante uma manifestação na 180ª Reunião Ordinária da Comissão Técnica Nacional de Biossegurança, realizada em março de 2015.

A decisão foi motivada por uma ação movida pela União para cobrar prejuízos que teriam sido causados por membros dos movimentos. Segundo informações do processo, houve arrombamento de uma porta e quebra de um vidro, e os fatos geraram o encerramento da reunião, cuja consequência foi o pagamento de R$ 60 mil em diárias para os membros da comissão.

Ao decidir a questão, o juiz Waldemar Cláudio de Carvalho, da 14ª Vara Cível, entendeu que militantes causaram danos ao Poder Público. “Há, no caso, isso sim, a comprovação dos fatos, os quais, por si só, causaram danos ao erário na medida em que frustraram importante reunião e ocasionaram a destruição de material de pesquisa, conforme já narrado em linhas pretéritas. Não bastasse isso, a invasão abrupta ao ato e parte dos atos danosos foram relatados nos depoimentos supracitados”,

Ao apresentar defesa no processo, o MST alegou que os militantes foram recebidos “com intolerância e rispidez no local da reunião” e pediu a improcedência do ressarcimento.

Mais Sobre Política - Nacional

Temer corta 95% das verbas de programas sociais e compromete futuro de milhões

Temer corta 95% das verbas de programas sociais e compromete futuro de milhões

Temer corta 95% das verbas de programas sociais e compromete futuro de milhões

Aepet denuncia: Temer prepara maior crime da história durante a Copa

Aepet denuncia: Temer prepara maior crime da história durante a Copa

AEPET alerta: "as multinacionais pretendem que o governo Temer anule a decisão do Conselho Nacional de Política Energética pela contratação direta da

Ex-diretor do DER fecha delação

Ex-diretor do DER fecha delação

O ex-diretor geral do DER do Paraná Nelson Leal Júnior fechou acordo de delação premiada com a força-tarefa da Lava Jato onde se comprometeu a fornec

FHC, sobre sua atuação como tesoureiro informal: pedi mesmo

FHC, sobre sua atuação como tesoureiro informal: pedi mesmo

Enquanto Lula está preso sem jamais ter enviado emails a empreiteiros pedindo 'SOS', o ex-presidente FHC admite que atuou como tesoureiro informal do