Terça-feira, 23 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

José Alencar volta ao Brasil defendendo queda de juros


Cristiane Jungblut - Agência O Globo BRASÍLIA - Submetido a uma cirurgia para a retirada de tumor maligno na região do abdômen, no Memorial Sloan-Kettering Cancer Center de Nova York, o vice-presidente José Alencar desembarcou agora pela manhã em Brasília, afirmando estar disposto e pronto para voltar ao trabalho. Alencar disse que a cirurgia realizada no último dia 14 "foi coroada de êxito" e, em entrevista de 19 minutos na Base Aérea de Brasília, voltou a defender a queda da taxa de juros como uma das condições para o crescimento econômico. Alencar ainda comentou a redução de 4% para 3,2% do PIB em 2006, afirmando que o Brasil está preparado para crescer mais a partir de 2007, tomando medidas como a queda dos juros e o enxugamento de despesas do orçamento. - O presidente Lula nunca fez outro discurso que não o do desenvolvimento. Só que as coisas não acontecem exatamente como a gente gostaria. As coisas são como são. Hoje, o Brasil está preparado como nunca esteve para uma retomada do crescimento, sem risco de recrudescimento inflacionário. Hoje, o Brasil está consciente de que não só precisa, como pode crescer. É preciso que as taxas de juros caiam para patamar que lhe são próprios no mercado internacional. Tem várias formas de se levantar uma taxa. O Brasil pode crescer mais. Agora, é claro, tem que tomar determinadas providências que lhe permitam crescer sem risco - disse Alencar, acrescentando: - Agora, deixa o homem (presidente Lula) trabalhar! Alencar disse que as medidas para promover o crescimento serão adotadas sem colocar em risco o controle da inflação: - Nessa questão, o Brasil pode ficar tranquilo, porque o presidente Lula não admite um arranhão sequer naquilo que diz respeito à responsabilidade fiscal e orçamentária. Alencar viajou para Nova York no último dia 8 e, no dia 14, se submeteu à cirurgia. Para se ausentar do país por mais de 15 dias, Alencar pediu licença ao Congresso, conforme estabelece a Constituição. O vice explicou que recebeu alta e autorização para voltar ao Brasil antes do previsto e se emocionou ao falar da operação. - Estou aqui com muita alegria, disposto a continuar oferecendo minha contribuição. Pessoas, de todos os estados da Federação, me mandaram mensagens e que estavam rezando para que fosse um sucesso à intervenção a qual estava me submetendo lá - disse Alencar, emocionado.

Gente de OpiniãoTerça-feira, 23 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Terça-feira, 23 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)