Porto Velho (RO) segunda-feira, 16 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Jair Bolsonaro diz que demite Vélez na segunda


Jair Bolsonaro diz que demite Vélez na segunda - Gente de Opinião

O presidente Jair Bolsonaro sinalizou que o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodrigues, poderá ser demitido no início da próxima semana. "Na segunda, vamos resolver a situação do MEC", afirmou Bolsonaro durante um café da manhã com jornalistas em Brasília nesta sexta-feira (5). "Está bem claro que não está dando certo, falta gestão. Vamos tirar a aliança da mão esquerda e pôr na direita", completou.

Ao tomar conhecimento das declarações de Bolsonaro, Vélez reagiu: "Não vou entregar o cargo, não fui informado", afirmou. "Única coisa insustentável é a morte", emendou em seguida.

A declaração sobre a "falta de gestão" se deve às constantes crises no MEC, que já resultaram em mais de 15 demissões, recuos frequentes e uma série de decisões polêmicas que desagradaram até mesmo os militares que integram o governo.

Há cerca de uma semana, Bolsonaro sinalizou que poderia promover mudanças a cúpula do MEC ao nomear para a secretária-executivo da pasta segundo cargo mais importante na hierarquia do ministério tenente brigadeiro Ricardo Machado Vieira. Machado já ocupou o cargo de Secretário de Pessoal, Ensino, Saúde e Desporto do Ministério da Defesa e foi chefe do Estado-Maior da Aeronáutica. 

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç