Porto Velho (RO) segunda-feira, 20 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Impasse sobre juros adia divulgação de pacote habitacional


Luís Alfredo Dolci - Agência O Globo- Quem vai determinar quais serão as taxas será o próprio mercado imobiliário - afirma o diretor-geral da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), Osvaldo Correa Fonseca. Hoje, a TR é usada na correção dos contratos e está em 2,5% ao ano. A idéia do Governo é permitir que os bancos criem linhas de financiamento com parcelas fixas, sem a TR. Pelo Sistema Financeiro da Habitação (SFH), a taxa máxima a ser cobrada é de 12% ao ano.Ainda há dúvidas também sobre o crédito consignado para o financiamento da casa própria. Os bancos querem mais garantias na concessão desta linha, em que as parcelas são descontadas em folha de pagamento.- O fato de estar empregado não é sinônimo de garantia da operação - disse uma fonte do setor.Além das mudanças no setor habitacional, o Governo prepara outras medidas para estimular a concorrência entre os bancos. O objetivo é permitir a redução do spread bancário - a diferença entre os juros que o banco cobra ao emprestar e a taxa que ele mesmo paga ao captar dinheiro. Entre as novidades está prevista a conta-salário obrigatória: o trabalhador não teria mais de abrir uma conta corrente no banco em que a empresa deposita o salário. Está em discussão a criação do chamado DOC reverso, que permite ao empregado transferir todo o salário recebido em um banco para outro de sua preferência, sem a cobrança de tarifa, mas com incidência de CPMF.O Governo deverá aprovar, ainda, a redução da contribuição dos bancos ao Fundo Garantidor de Crédito (FGC), criado na década de 90 para garantir que os clientes das instituições sejam ressarcidos em caso de falência.

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di