Porto Velho (RO) sexta-feira, 18 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Guerrilha recruta adolescentes brasileiros na fronteira


Allan Grip - Agência O GloboLETÍCIA (Colômbia), TABATINGA (AM) e MANAUS (AM) - As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) começam a ameaçar também o território brasileiro. Não propriamente com ações violentas, mas com estratégias de sedução que têm por objetivo recrutar jovens brasileiros para os quadros do exército do grupo de extrema esquerda.Fontes militares e pesquisadores dedicados à fronteira brasileira na Amazônia registraram o recrutamento de adolescentes em pelo menos três municípios: Santo Antônio de Içá e Atalaia do Norte (ambos ao sul da fronteira) e São Gabriel da Cachoeira (ao norte). O assédio aos jovens em São Gabriel foi confirmado pelo coordenador de Operações Especiais de Fronteiras da Polícia Federal (Coesf), Mauro Spósito. Ele diz, no entanto, que os adolescentes não foram forçados a se juntar às Farc, mas sim seduzidos pelo dinheiro oferecido pela organização:- Foram seduzidos e, pelo que sabemos, as Farc não pagam o que prometem. Mas há brasileiros na guerrilha. Sabemos de presos brasileiros na Colômbia acusados de pertencer a organizações como essa.

Mais Sobre Política - Nacional

HASTA LA VISTA, BAMBINO

HASTA LA VISTA, BAMBINO

Césare Battisti buscou a proteção de Evo Morales, seu aliado de esquerda.

Jair Bolsanaro assina decreto e  pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

Jair Bolsanaro assina decreto e pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

A partir do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro hoje (15), no Palácio do Planalto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão compra

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

São casos exemplares que demonstram comportamentos opostos dos governos

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

O governo federal vai fazer uma auditoria em 2 milhões de benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que têm indícios de irregul