Porto Velho (RO) quinta-feira, 16 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Grupo de elite do PT apresentará auto-crítica em reunião nacional


Agência O GloboRIO - Um numeroso grupo de petistas de alto escalão prepara um documento com uma dura avaliação do partido, para ser apresentado na reunião do Diretório Nacional do PT marcada para o próximo sábado em Salvador. Como divulgou neste sábado em seu blog o jornalista Ricardo Noblat, o texto faz uma espécie de auto-crítica, analisando a crise que atingiu o partido, bate duro em nomes como José Dirceu, Ricardo Berzoini e Marco Aurélio Garcia, entre outros, que comandam a legenda há mais de 20 anos e convocando os militantes a se reunirem em torno de uma nova tendência comprometida com "o socialismo democrático".O texto, que conta com a assinatura de Tarso Genro, ministro das Relações Institucionais, pode ser lido na íntegra no blog e deve contribuir para agravar a disputa pelo poder dentro do PT.Veja trechos da atual versão do documento"O PT viveu uma crise de corrupção programática e ética, não apenas conjuntural e não apenas decorrente de desvios comportamentais ou de pequenos abusos de poder e de confiança. Decorreu de concepções equivocadas na condução de distintas estratégias eleitorais, do distanciamento das organizações de base e do mundo do trabalho, e de um crescente desinteresse pela utopia socialista""Nosso partido ainda não superou a crise originária da hegemonia absoluta de um núcleo dirigente, que definia as regras partidárias e as respectivas políticas, tomando deliberações prévias sem o correto debate nas instâncias formais. Esta constatação não é registrada para incriminar indivíduos, mas pretende alertar o Partido para a necessidade de recuperação dos princípios democráticos que informaram a fundação do PT, visando a superar uma forma de direção que, se é verdade que foi capaz de nos dirigir para a vitória de Lula em 2002, também nos legou uma grave crise ética e política, que trouxe impactos imprevisíveis acerca do futuro do PT""O PT deve abrir-se e aprofundar um diálogo político e teórico com a intelectualidade democrática e libertária do país, para recompor o apreço pelo debate e pelo aprendizado, tão escassos no último período""O sistema político e eleitoral, movido pela forte concorrência entre candidatos avulsos, em geral bancados por vultosos gastos de campanha, ajudou a fragilizar a cultura partidária e expôs, mesmo os partidos que se reclamam do socialismo, a relações não-transparentes com os financiadores"

Mais Sobre Política - Nacional

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di

Sonegação de R$ 26 bi do Itaú vai a julgamento. É a maior da história

Sonegação de R$ 26 bi do Itaú vai a julgamento. É a maior da história

Está revogada a decisão do Carf que havia livrado o banco de pagamento de multa de R$ 26 bilhões por sonegação de impostos; é a maior da história...

Bancários se manifestam em Brasília em defesa de bancos públicos

Bancários se manifestam em Brasília em defesa de bancos públicos

Bancários protestam contra as resoluções da Comissão Interministerial de Governança Corporativa e de Administração de Participações Societárias da Uni