Porto Velho (RO) quinta-feira, 17 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Governo corta R$ 486 milhões do Orçamento para cumprir superávit


Agência O GloboBRASÍLIA - O governo encaminhou ontem ao Congresso Nacional relatório de avaliação de receitas e despesas relativas ao quinto bimestre de 2006 que indica a necessidade de redução das despesas de custeio e investimento no valor de R$ 486,2 milhões em relação ao decreto de reprogramação orçamentária de 5 de outubro. O corte pretende adequar o Orçamento - receitas e despesas - à meta de superávit primário para o ano, de 4,25% do PIB.A estimativa da receita primária, líquida de transferências constitucionais e legais para estados e municípios foi reduzida em R$ 709,4 milhões em relação à previsão contida no decreto de outubro. As principais reduções ocorreram na receita de concessões, na Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins), na contribuição para o PIS/Pasep e na CPMF.O governo incorporou ainda nova estimativa de despesas primárias de execução obrigatória. Entre as despesas, destaca-se o aumento em pessoal, decorrente da atualização da base de projeção até o mês de outubro, da inclusão do aumento de 15% para os servidores do Legislativo, além do aumento de R$ 159,4 milhões previsto para pagamento de pessoal do Fundo Constitucional do Distrito Federal.

Mais Sobre Política - Nacional

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que