Porto Velho (RO) quarta-feira, 23 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Governo contesta ranking do Unicef


Agência O GloboBRASÍLIA - O Ministério da Saúde contestou nesta segunda-feira, em nota, o ranking de mortalidade crianças até 5 anos divulgado pelo Unicef, em que o Brasil perdeu duas posições, de 2004 para 2005, passando a ocupar o 86º lugar, entre 193 países e territórios. Segundo o ministério, a metodologia utilizada pelo Unicef superestima a mortalidade infantil brasileira."O Unicef, ao apresentar um valor tão alto para a mortalidade infantil no Brasil, não divulgou o método usado para esta estimativa e, também, não buscou qualquer discussão com a área técnica do Ministério da Saúde, responsável pelo cálculo da taxa", diz a nota. O texto afirma que o país cumprirá o objetivo do milênio de reduzir em dois terços a mortalidade de crianças menores de cinco anos até 2015, em relação aos indicadores de 1990.O relatório do Unicef leva em conta dados de 2005. De acordo com o Ministério da Saúde, porém, essa taxa era de 26,85 em 2004. Da mesma forma, o ministério contestou a taxa de mortalidade de menores de 1 ano citada pelo relatório: 31 para cada mil bebês nascidos vivos. A nota do governo brasileiro diz que essa taxa era de 22,58, em 2004.O ministério informa que a tendência da taxa de mortalidade infantil (menores de 1 ano) no Brasil é de queda. Em 1996, a taxa era de 33,7, e caiu para 22,58, em 2004. A redução foi de 33% no período.

Mais Sobre Política - Nacional

GENTE QUE MUITO PULA

GENTE QUE MUITO PULA

É melhor ficar quieto e deixar que pensem que você talvez tenha errado do que mexer-se e tirar a dúvida

HASTA LA VISTA, BAMBINO

HASTA LA VISTA, BAMBINO

Césare Battisti buscou a proteção de Evo Morales, seu aliado de esquerda.

Jair Bolsanaro assina decreto e  pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

Jair Bolsanaro assina decreto e pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

A partir do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro hoje (15), no Palácio do Planalto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão compra

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

São casos exemplares que demonstram comportamentos opostos dos governos