Porto Velho (RO) sexta-feira, 17 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Governo comemora investimentos bilionários da Ambev


Martha Beck e Geralda Doca - Agência O GloboBRASÍLIA - O presidente da Ambev, Victorio de Marchi, anunciou nesta quarta-feira que a empresa vai investir R$ 5 bilhões nos próximos cinco anos para aumentar sua capacidade de produção no país. A decisão foi comemorada pela equipe econômica. Segundo o secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda, Julio Sérgio Gomes de Almeida, o fato mais positivo sobre os investimentos da Ambev é que ela aposta no aumento do mercado consumidor no Brasil.- No Brasil, os investimentos costumam vão ser feitos na modernização de equipamentos e atualização tecnológica. Mas a Ambev vai ampliar sua capacidade, o que signfica que ela está apostando o crescimento do mercado interno. Isso é tudo o que queremos - disse Almeida.Marchi, que se encontrou pela tarde com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e com o ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse que os investimentos vão gerar mil empregos diretos, principalmente nas fábricas do Nordeste e do Centro-Oeste. De acordo com o presidente da Ambev, Lula ficou "bastante contente e entusiasmado" com a novidade.Segundo o executivo, este é o maior investimento da Ambev desde a fusão entre Brahma e Antarctica, pois, quando foi realizada a fusão, foi aproveitada uma capacidade ociosa, o que reduziu os novos investimentos. Marchi explicou que não haverá instalação de fábrica novas, apenas melhorias nas existentes.Mesmo assim, a empresa será a primeira se beneficiar de um dos incentivos fiscais previstos no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) - a redução de PIS/Cofins sobre edificações. Por ela, uma empresa que fizer benfeitorias em suas unidade de produção tem redução de carga tributária.Em 2006, o grupo Ambev teve crescimento de 8% no mercado de cerveja, contra uma uma média de mercado em torno de 7%. Marchi afirmou também que a Ambev está comprando os ativos da Cintra, mas que a marca e a distribuição estão fora do negócio, por enquanto.

Mais Sobre Política - Nacional

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di

Sonegação de R$ 26 bi do Itaú vai a julgamento. É a maior da história

Sonegação de R$ 26 bi do Itaú vai a julgamento. É a maior da história

Está revogada a decisão do Carf que havia livrado o banco de pagamento de multa de R$ 26 bilhões por sonegação de impostos; é a maior da história...

Bancários se manifestam em Brasília em defesa de bancos públicos

Bancários se manifestam em Brasília em defesa de bancos públicos

Bancários protestam contra as resoluções da Comissão Interministerial de Governança Corporativa e de Administração de Participações Societárias da Uni