Porto Velho (RO) quinta-feira, 19 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Governo agora decide apoiar CPI do Apagão Aéreo


Adriana Vasconcelos - Agência O GloboBRASÍLIA - O governo decidiu mudar de estratégia em relação à CPI do Apagão Aéreo. Segundo o Blog do Noblat, os líderes governistas agora defendem a instalação imediata da comissão na Câmara, sem esperar pela decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). O objetivo é esvaziar uma possível CPI no Senado, onde a oposição é mais forte.Mas os senadores do PSDB e do DEM anunciaram nesta quinta-feira que alcançaram as 27 assinaturas necessárias para pedir a criação de uma CPI no Senado. A lista de adesões contaria até com quatro nomes dos partidos governistas: os peemedebistas Jarbas Vasconcelos (PE), Pedro Simon (RS) e Mão Santa (PI), além de Cristovam Buarque (PDT-DF).A oposição só deve apresentar o pedido da CPI na semana que vem. Até lá, espera ampliar o número de apoios para, no mínimo, 30 senadores.O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), no entanto, disse que é contra a criação da CPI do Apagão Aéreo na Casa:- Sou politicamente contra a investigação dessa CPI. Não é o que o Senado quer, mas é um direito da minoria pleiteá-la - frisou Renan.Renan informou que o requerimento para abertura da CPI do Apagão Aéreo não foi entregue à Mesa Diretora do Senado.- Espero que não seja nem entregue - afirmou.Segundo ele, há "assuntos mais urgentes e importantes que precisam ser votados". O presidente do Senado afirmou que a CPI pleiteada pela oposição (PSDB e DEM) é "política" e que investigações desse tipo "muitas vezes atrapalham assuntos mais importantes para o crescimento do país".O líder do DEM no Senado, José Agripino (RN), respondeu dizendo que "não interessa o que fala esse ou aquele, mas o que diz o regimento".

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç