Porto Velho (RO) quarta-feira, 21 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Furlan diz que governo já pensa em elevar meta de exportações


Eliane Oliveira - Agência O GloboBRASÍLIA - O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Luiz Fernando Furlan, disse nesta terça-feira que o governo já pensa em rever a meta de exportações para este ano dos atuais US$ 132 bilhões para US$ 134 bilhões. Segundo o ministro, tudo indica que o país já estará se aproximando da meta no mês de outubro.- Estamos tentados a subir a meta à medida em que vemos a performance para o segundo semestre. Já existe um bilhão de dolares acima do projetado - disse o ministro.Quanto às importações, Furlan disse que o governo já espera uma cifra de US$ 90 bilhões em 2006. O ministro abriu o encontro de empresários de Brasil, Índia e África do Sul, na Confederação Nacional da Indústria (CNI).No ano, a balança comercial atinge valores recordes com exportações em US$ 91,174 bilhões e importações em US$ 60,725 bilhões, o que resulta num superávit de US$ 30,449 bilhões. A corrente de comércio (exportação + importação) também acumula número histórico de US$ 151 bilhões, 18,3% maior que no mesmo período do ano passado.

Mais Sobre Política - Nacional

Sergio Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ

Sergio Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ

O juiz federal Sergio Moro, que assumirá o Ministério da Justiça no próximo governo, confirmou hoje (20) os nomes dos delegados Maurício Valeixo pa

Paulo Guedes quer secretaria de privatizações para acelerar a venda de ativos

Paulo Guedes quer secretaria de privatizações para acelerar a venda de ativos

O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, pretende criar uma Secretaria de Privatizações no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) par

Haddad vira réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

Haddad vira réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

É a primeira vez que o petista se torna réu em ação criminal

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

O presidente eleito Jair Bolsonaro diz que soberania e leis do Brasil devem ser respeitadas

Em meio a reações como a do governo cubano que decidiu suspender a parceira com o Programa Mais Médicos, o presidente eleito Jair Bolsonaro voltou a