Porto Velho (RO) sábado, 11 de julho de 2020
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Funcionários da Varig podem entrar em greve nesta terça-feira


Agência O Globo SÃO PAULO, RIO e BRASÍLIA. Os funcionários da Varig ameaçam cruzar os braços a partir desta terça-feira. Em São Paulo, os trabalhadores participam de assembléia, na manhã desta segunda-feira, para votar o indicativo de greve e discutir quais atitudes serão tomadas em relação à demissão de 5,5 mil funcionários na última sexta-feira. A associação de comissários da empresa estima que as demissões serão maiores no Rio. - Vamos denunciar a Varig por demissão em massa ao Ministério Público (MP) do Trabalho e entrar com pedido de julgamento de dissídio coletivo no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) - diz o presidente do Sindicato dos Aeroviários de São Paulo, Uébio Dias. O sindicalista disse ainda que, esta semana, de 500 a mil trabalhadores da VarigLog, a ex-subsidiária da Varig que comprou a empresa aérea em leilão, devem ser demitidos. Segundo o presidente do sindicato, a Serviços Auxiliares de Transporte Aéreo (Sata) - prestadora de serviços para a aérea - com 5,7 mil trabalhadores, também pode demitir 3 mil funcionários. Ainda de acordo com Dias, a VEM, empresa de manutenção da Varig comprada pela TAP, deve ajudar a engrossar o grupo dos desempregados. Estariam previstas 500 demissões para esta semana. Leonardo Souza, diretor do SNA, disse que a Varig ainda não apresentou uma proposta para o pagamento dos salários atrasados e das verbas rescisórias, e que, sem isso, o sindicato não homologará as demissões. - Ninguém sabe quais são os 1.700 profissionais já escolhidos pela VarigLog para atuar na nova empresa. Eles podem, inclusive, estar entre os demitidos - frisa Souza. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou neste domingo que a Varig está cumprindo a programação de vôos. Segundo a Anac, um vôo do Rio para Belém foi cancelado e 60 passageiros foram acomodados em hotéis. Já os vôos de Londres e Frankfurt para o Brasil estavam lotados. A Varig informou à Anac que os passageiros em locais onde seus vôos não estão sendo realizados podem procurar lojas de venda de passagens para endossar seus bilhetes. Os funcionários da Varig querem que o governo federal estenda ao setor aéreo o pagamento do auxílio-desemprego em cinco parcelas, informou neste domingo a presidente nacional do Sindicato dos Aeronautas, Graziela Baggio. A Secretaria de Previdência Complementar (SPC) decretou a liquidação de mais um plano de benefícios administrado pelo Aerus (fundo de pensão dos funcionários da Varig), destinado a pilotos e comissários - o chamado Pecúlio por Perda de Habilitação Técnica. A decisão, a ser publicada nesta segunda-feira no Diário Oficial da União, resultará na extinção do benefício a 40 pessoas, que recebem em média uma aposentadoria mensal de R$ 5.500. Segundo o secretário da SPC, Leonardo André Paixão, a liquidação é necessária porque o fundo está quebrado, tem um déficit de R$ 3 milhões. Os recursos para pagar os assistidos estão vindo do fundo de administração do Aerus, que também administra planos de benefícios de outras empresas do setor.

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu