Porto Velho (RO) quarta-feira, 14 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Freire responde a Lula: 'Voto não dá caráter e decência para ninguém'


Agência O GloboBRASÍLIA - O presidente nacional do PPS, deputado federal Roberto Freire (PE), divulgou nota nesta quinta-feira rebatendo as críticas do presidente Luiz Inácio Lula da Silva a proposta de impeachment defendida pela oposição.- Voto não dá caráter e decência para ninguém. Lula pode até ter voto. Disputar a eleição, ter ou não ter voto, não é o mais importante. Eu tenho caráter e decência - reagiu Freire, afirmando que tem mais de 30 anos de mandatos ininterruptos como deputado estadual, senador e deputado federal.Lula teria afirmado que Freire não teria votos e por isso decidiu não disputar as eleições de 2006. A crítica de Lula foi disparada após Freire afirmar que a sociedade brasileira precisa se preparar para o impeachment do presidente. Para o deputado, o problema de Lula é a corrupção instalada em toda a estrutura de seu governo.Segundo Freire, dois episódios podem gerar a saída do presidente Lula. O primeiro seria o gasto de R$ 11 milhões, de acordo com Freire, para confecção de supostas cartilhas enaltecendo as ações da administração petista, e o segundo, a revelação de um suposto acordo entre o Planalto e o Partido Liberal para a liberação de R$ 26 milhões do Ministério da Saúde para a bancada.

Mais Sobre Política - Nacional

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

A juíza federal substituta Gabriela Hardt negou, nesta terça-feira (13), o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

A pasta seria ocupada inicialmente pelo general Augusto Heleno

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

O exame tem validade de cinco anos para condutores com menos de 65 anos.