Porto Velho (RO) sexta-feira, 18 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Faturamento do turismo cresceu quase 30% em 2006


Eliane Oliveira - Agência O GloboBRASÍLIA - O apagão aéreo que se repetiu algumas vezes no fim do ano passado, o real valorizado - que estimula as viagens de brasileiros ao exterior - e os diversos problemas no Brasil ligados a segurança, limpeza e infra-estrutura não foram suficientes para impedir uma expansão de 29,8% do faturamento do setor de turismo brasileiro em 2006.Este é um dos principais resultados de uma pesquisa realizada com 80 maiores empresas, incluindo companhias aéreas, hotéis, locadoras de automóveis, operadoras e agências, pelo Ministério do Turismo e a Fundação Getúlio Vargas (FGV).A expectativa do setor em relação ao ano passado é de que as vendas de todas as empresas, juntas, tenham atingido R$ 29,6 bilhões. De acordo com o secretário-executivo do Ministério do Turismo, Márcio Favila, o dado é representativo, pois as 80 firmas ouvidas participam com 30% do faturamento total.- Desde 2004, o turismo mostra tendência de expansão, que deverá se repetir em 2007 - disse Favila.As empresas pesquisadas informaram ter contratado 14% mais funcionários em 2006. Em dezembro do ano passado, o quadro de pessoal dessas firmas somava 81.331 pessoas.Para 86,2% dos entrevistados, o turismo manterá seu ritmo de crescimento em 2007. No entanto, eles preveêm um aumento médio de 7,1% sobre os custos operacionais, o que daria um repasse para os preços da ordem de 5,8% em média.Ao ouvirem as companhias aéreas, o ministério e da FGV excluíram a Varig, uma vez que a empresa praticamente parou de funcionar durante um período do ano. Conforme as empresas pesquisadas, em 2006 o faturamento subiu 42,4% e as contratações de pessoal aumentaram 34,9%, taxa provavelmente resultante da incorporação de parte dos funcionários da Varig que haviam sido demitidos. As companhias, porém, registraram queda de 6,4% nos preços e de 3% nos custos.

Mais Sobre Política - Nacional

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que