Porto Velho (RO) quarta-feira, 18 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Fátima Cleide aprova investimento de R$ 1 bilhão


Senadora aprova decisão do governo de investir
R$ 1 bi no combate à violência contra a mulher

A decisão do governo Lula de investir R$ 1 bilhão até 2010 em ações de enfrentamento e combate à violência contra a mulher no País, anunciada na abertura da II Conferência Nacional de Políticas para Mulheres, é aprovada pela senadora Fátima Cleide, que ontem (20), com o prefeito Roberto Sobrinho, esteve no encerramento da Conferência, realizada durante três dias no Centro de Convenções Ulisses Guimarães, em Brasília. Cerca de 3 mil delegadas participaram dos debates do evento, dentre eles a avaliação do Plano Nacional de Políticas para Mulheres.

“Acredito que a decisão do presidente Lula reflete a compreensão de que o governo, por conta do trabalho eficiente e dedicado da Secretaria de Políticas para Mulheres, tem consciência sobre a grave realidade que é a violência contra a mulher, cuja conseqüência recai inclusive sobre o PIB de um país. Este investimento é fundamental para que a Secretaria possa de fato implementar ações que vinha tendo dificuldade de executar devido ao limitado orçamento”, avalia a senadora Fátima.

Segundo a senadora, os recursos são vinculados ao Pacto Nacional pelo Enfrentamento da Violência contra Mulheres, implantado em 2004 pelo governo federal, e que já inclui diversos parceiros nos Estados e municípios. As ações previstas são a criação de juizados de violência doméstica e familiar contra a mulher, criação de delegacias e casas abrigos e ampliação dos Centros de Referência de Assistência Social(CRAS), unidades que prestam auxilio multiprofissional às mulheres vítimas da violência.

A senadora Fátima e o prefeito Roberto Sobrinho, de Porto Velho, estiveram com a delegação de Rondônia, e saudaram sua participação. “A presença das delegadas fortalece a implementação de políticas públicas destinadas a combater a desigualdade de gênero”, afirma Roberto, um dos primeiros a criar, quando eleito em 2004, a Coordenadoria de Mulheres na Prefeitura, a fim de garantir que as políticas do governo federal fossem adotadas no município.   

Fonte: Mara Paraguassu

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç