Porto Velho (RO) quinta-feira, 12 de dezembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

'Fantástico': aviões quase colidem no Rio de Janeiro


Agência O GloboRIO - Uma gravação revela que um incidente grave ocorreu esta quarta-feira na área do aeroporto Santos Dumont, no Rio. Envolveu um Boeing 737 da Varig que vinha de São Paulo e um Bandeirante da Força Aérea Brasileira.A semana foi muita tensa para passageiros, pilotos e controladores. Uma gravação obtida pelos repórteres do "Fantástico" revela que um incidente grave ocorreu esta quarta-feira na área do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro. Envolveu um Boeing 737 da Varig que vinha de São Paulo e um Bandeirante da Força Aérea Brasileira.O piloto do Boeing, vôo 2435, informa aos controladores pelo rádio uma quase-colisão com o Bandeirante.PILOTO: Controle do Rio. Varig 2435. Aproximação para o Rio de Janeiro. Quase colisão com uma aeronave do GEIV.GEIV é um grupo especial de inspeção em vôo, da FAB. Começa uma discussão, até que os pilotos acabam a conversa.PILOTO 1: Senhor, a fonia não é lugar para discutirmos isso.PILOTO 2: Amigo, um minuto que nós estamos arremetendo, depois a gente discute, tá?Arremeter é a manobra brusca que os pilotos fazem para escapar de uma situação de perigo. O Boeing da Varig e o Bandeirante da FAB estavam pousando ao mesmo tempo e na mesma pista. A gravação deixa claro:"Deixa perceber uma situação de conflito de tráfego aéreo, trazendo grande perigo de colisão entre duas aeronaves: uma da Varig e uma aeronave do grupo de eletrônica e inspeção ao vôo, uma atividade da Força Aérea ligada à proteção do vôo", declara Elnio Borges Malheiros, diretor do Sindicato dos Aeronautas - RJ.Na gravação, controladores suspeitam que a quase-colisão ocorreu pela inexperiência de um colega.CONTROLADOR 1: Vocês chegaram a entrar em contato com o controle?CONTROLADOR 2: Não sei se o rapaz que está lá é novo. O que está acontecendo, essa turma nova que estão botando, o rapaz também está perdido, quem está lá não sabe o que fez. Não sabe o que fez, não.CONTROLADOR 3: O que podia ser feito de extra-oficial foi feito, para que isso não aconteça de novo.O Ministério da Aeronáutica informou neste domingo que está reunindo as informações sobre o incidente, e que ainda não há um prazo para concluir as investigações.A Aeronáutica acrescentou que todos os relatos de incidentes aéreos são investigados para que depois sejam emitidas recomendações de segurança aos setores envolvidos.Em nota enviada ao Fantástico, a Varig afirma que o procedimento adotado pelo comandante do avião estava "absolutamente dentro dos padrões aeronáuticos de segurança". Isso, segundo a Varig, "garantiu a eficiência da operação".

Mais Sobre Política - Nacional

Jaqueline Cassol cobra votação da MP que garante Revalida

Jaqueline Cassol cobra votação da MP que garante Revalida

A deputada federal Jaqueline Cassol (PP-RO) cobrou do presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ) a votação, antes que encerre o prazo, da Medida Provisórias cri

Supremo Tribunal Federal mantém decisão que proíbe gestantes em atividade insalubre

Supremo Tribunal Federal mantém decisão que proíbe gestantes em atividade insalubre

Por unanimidade e em ambiente virtual, o Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou recurso da Advocacia-Geral da União (AGU) e manteve a decisão, tomada

Boa notícia: Lula dará ao velho amigo 1ª entrevista fora da prisão

Boa notícia: Lula dará ao velho amigo 1ª entrevista fora da prisão

Neste ano e meio que ele está preso, não tive condições de viajar a Curitiba e fiquei esperando o amigo sair da prisão para poder falar com ele, certo

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p