Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Ex-assessor diz que não fazia nada sem o conhecimento de Suassuna


Maria Lima (Agência O Globo)BRASÍLIA - Em depoimento ao corregedor do Senado, Romeu Tuma (PFL-SP), Marcelo de Carvalho, ex-assessor do líder do PMDB, Ney Suassuna (PB), disse que nunca fez nada no gabinete sem o conhecimento de Suassuna, o que seria deslealdade, nas palavras do ex-assessor. Segundo Tuma, Marcelo disse que, mesmo quando o senador viajava, era informado sobre seus atos.- Ele acha que a responsabilidade que o senador mantém sobre ele é incorreta, que ele fez o papel dele sempre e aí um detalhe importante, que ele diz que nunca deixou de comunicar ao senador qualquer emenda que tenha feito, qualquer encaminhamento que tenha feito, sempre comunicou, mesmo quando o senador estava fora do país, ele comunicava antes de encaminhar. Não dá para dizer que não sabia. Ele deixou claro que nunca fez nada sem o conhecimento do senador, que seria deslealdade - disse TumaTuma disse que não vai inocentar Suassuna por antecedência, antes de concluir as investigações. Disse que é preciso cautela nas investigações, mas que também não se pode dar um atestado de que o senador não sabia das conversas de seu ex-assessor com a máfia dos sanguessugas.- Acho que ele está em aflição. A gente tem que ouvir outras pessoas para montar o mosaico total, para depois perguntar a ele onde tem a verdade ou não. Não se pode, em princípio, dar um atestado de antecedência. Tem que ter cautela de apurar com responsabilidade, coragem de dizer quem é inocente, quem é culpado e pedir punição - disse

Mais Sobre Política - Nacional

Delfim Netto: “Próximo presidente vai ser impichado”

Delfim Netto: “Próximo presidente vai ser impichado”

Não é uma previsão catastrofista, garante, mas uma "leitura simples" a partir do que o sistema político-eleitoral foi capaz de produzir até hoje

Gleisi vence de goleada acusação farsesca: 5 a 0

Gleisi vence de goleada acusação farsesca: 5 a 0

Por unanimidade, a 2ª Turma do STF absolveu a senadora Gleisi Hoffmann, seu marido, o ex-ministro Paulo Bernardo, e o empresário Ernesto Kugler das ac

STF confirma julgamento da liberdade de Lula no dia 26

STF confirma julgamento da liberdade de Lula no dia 26

Após a convocação de uma sessão extraordinária para a próxima terça-feira, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal confirmou a inclusão na pauta

Pimenta avisa: CPI das delações fará seu trabalho

Pimenta avisa: CPI das delações fará seu trabalho

A quem interessa tolher o poder de investigação do Parlamento brasileiro?