Porto Velho (RO) sábado, 18 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

EMI anuncia parceria com a Apple para distribuir músicas sem mecanismo antipirataria


Agência O Globo SÃO PAULO - A gravadora EMI anunciou hoje que vai disponibilizar as músicas de seus artistas pela internet sem um mecanismo antipirataria, numa parceria com a Apple. A idéia é aumentar as vendas das duas companhias de músicas em formato digital.O negócio evidencia o poder de transformação na indústria fonográfica do modelo MP3 de música digital. Esse formato permite que fãs troquem e compartilhem músicas ou discos inteiros entre si. Até hoje, a indústria vinha preferindo apostar em formas tradicionais de música, que permitem algum tipo de proteção contra cópias ilegais - o que é extremamente simples no caso dos arquivos MP3."Acreditamos que ao oferecer aos consumidores a oportunidade de comprar faixas musicais de qualidade mais alta, permitindo que as ouçam em um aparelho ou na plataforma de sua escolha, vai aumentar as vendas de música (em formato) digital", disse o executivo-chefe da EMI, Eric Nicoli.Segundo a empresa, o iTunes, a loja virtual de músicas da Apple, será a primeira a utilizar o modelo de precificação global para os arquivos de música da EMI sem mecanismos contra cópias.Esses arquivos vão complementar o já extenso número de faixas protegidas que a EMI disponibiliza para download.No início deste ano, o executivo-chefe da Apple, Steve Jobs, fez um apelo para que as quatro maiores gravadoras do mundo - EMI inclusive - começassem a vender músicas online sem os mecanismos antipirataria. Segundo ele, essas faixas protegidas não têm muito sucesso, pois seriam inconvenientes para o usuário.Ele argumentou que não fazia sentido as gravadoras venderem mais de 90% de suas músicas sem proteção alguma, em CDs, e o pequeno restante online, com mecanismos contra cópia.(Valor Online, com agências internacionais)

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di