Porto Velho (RO) sexta-feira, 4 de dezembro de 2020
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Em sabatina, Alckmin ataca PT


Hilda Badenes - Agência O Globo RIO - Em sabatina a colunistas do jornal "O Globo", o candidato do PSDB, Geraldo Alckmin, disparou críticas ao governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, candidato do PT à reeleição, e afirmou que os recentes escândalos de corrupção não são fatos isolados. O candidato voltou a negar que tenha a intenção de privatizar estatais, como insinuam petistas, e afirmou que trata-se de uma "mentira política" para ganhar votos e abafar o escândalo do dossiê. Alckmin se mostrou otimista quanto ao resultado das eleições, minimizou a vantagem do presidente Lula nas pesquisas e agradeceu o apoio do casal Garotinho, esclarecendo que não é uma aliança. O candidato também saiu em defesa da gestão do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso que, segundo ele, teve "mais acertos do que erros". E disse que vai trabalhar contra a reeleição. Facções x dossiê: "Os líderes do PCC estão presos em penitenciárias de segurança máxima. Os envolvidos no dossiê estão livres, soltos, debochando da sociedade brasileira". Thomaz Bastos: "Se comportou como advogado do PT, do que como ministro. A mistura partido e governo é uma promiscuidade". Privatizações: "Não há vergonha. A privatização foi necessária, cumpriu uma etapa importante. Minha prioridade não é privatização, é fazer Parceria Público Privada (PPP). Agora, não podemos aceitar a mentira política". Elite: "Se há um governo que privilegiou a elite, foi esse (Lula). Abandonou a agenda do crescimento. O que interessa para o trabalhador é emprego". Casal Garotinho: "Não é aliança, é apoio. Apoio se recebe, e obrigada. Não é compromisso. Eu leio o blog do Cesar Maia todo dia". Fernando Henrique: "Tínhamos muito mais acerto do que erros. Muito do que se colhe hoje foi plantado lá atrás" Segundo turno: "Essa eleição vai ser taco a taco. Muito disputada. As grandes mudanças ocorrem no final. Vocês viram no primeiro turno". Reeleição: "Quatro anos é um bom mandato. Sou contra mandato de cinco anos. Se não, vai ter eleição todo ano. Reeleição pode até ser coisa boa. Mas tem que rever as regras e isso depende do Congresso Nacional". Governo Lula: "Demos uma marcha ré na questão ética, no apreço pela democracia, na gestão e na eficiência, no crescimento. Para que reeleger? Perder mais quatro anos?" Economia: O candidato disse que vai promover um profundo corte de gastos, começando pelo gabinete da Presidência da República. Para ele, o atual governo errou ao adotar um política fiscal frouxa e política monetária dura demais. Engavetamento de CPIs: Alckmin disse que não controla o Legislativo. "Não pode comparar a lambança do PT com seu governo em São Paulo".

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu