Porto Velho (RO) terça-feira, 13 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Em carta, Berzoini diz que pediu licença em nome da unidade do partido


Agência O GloboSÃO PAULO - O deputado federal Ricardo Berzoini decidiu nesta sexta-feira durante reunião da Comissão Executiva Nacional do PT, licenciar-se da presidência do partido "até que seja completamente esclarecido o episódio da suposta compra de um dossiê por pessoas ligadas ao PT". O lugar de Berzoini será ocupado interinamente pelo 1º vice-presidente, professor Marco Aurélio Garcia, atual coordenador da campanha pela reeleição do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.Em nota à militância do PT, Berzoini explica que a decisão de licenciar-se foi tomada "em benefício da unidade de da coesão" do partido. Leia abaixo a íntegra da nota:"À militância do PT"Informo que, em benefício da unidade e da coesão do PT, decido licenciar-me da presidência nacional do PT pelo prazo necessário para o completo esclarecimento dos fatos que envolveram filiados ao partido com uma suposta compra de dossiê. No calor da campanha, esses fatos e versões vêm sendo utilizados por aqueles que querem impedir o Brasil de continuar avançando para uma democracia plena, com justiça social."Reafirmo que jamais incentivei, determinei ou concordei com nenhuma forma de ilegalidade ou irregularidade nos assuntos que estiveram sob a minha responsabilidade, razão pela qual tenho total interesse no aprofundamento e conclusão das investigações. Minha licença tem como objetivo demonstrar nosso compromisso com o caráter coletivo de nosso projeto, que dispensa qualquer conveniência pessoal."Informo ainda que estarei como parlamentar e militante, no próximo período, trabalhando pela reeleição do Presidente Lula. "Saudações Militantes Ricardo Berzoini"

Mais Sobre Política - Nacional

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

A juíza federal substituta Gabriela Hardt negou, nesta terça-feira (13), o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

A pasta seria ocupada inicialmente pelo general Augusto Heleno

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

O exame tem validade de cinco anos para condutores com menos de 65 anos.

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro e Boulos precisam decidir se querem dar um passo em frente ou dois passos atrás.