Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Em ano eleitoral, medidas do governo Lula beneficiam 59 milhões


Regina Alvarez - Agência O GloboBRASÍLIA - Um conjunto de medidas adotadas pelo governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva neste ano eleitoral tem impacto na vida de 59,4 milhões de brasileiros. Se for levar em conta os brasileiros adultos beneficiados, o número cai para 54,5 milhões e corresponde a 43% do eleitorado. De acordo com reportagem publicada neste domingo pelo jornal "O Globo", essas medidas terão um custo adicional de R$ 16,5 milhões aos cofres públicos.De acordo com a reportagem, a maior parte das medidas adotadas em 2006 é voltada para as classes de menor renda, como o aumento real do salário mínimo e a ampliação do número de beneficiários do Bolsa Família, mas também há benefícios para a classe média e setores formadores de opinião, como os funcionários públicos.A reportagem lembra ainda que nos primeiros três anos de governo Lula, com Antonio Palocci no Ministério da Fazenda, os reajustes para o funcionalismo se restringiram a poucas categorias, a maior parte resultado de acordos para pôr fim a greves. Em 2006, porém, houve ampla reestruturação de carreiras, o que garantiu reajustes diferenciados de até 190% a 33 categorias. O governo diz que as negociações só foram concluídas este ano. O reajuste do salário mínimo de 16,67% em 2006, 13,04% acima da inflação, é o maior da gestão Lula.Para o cientista político Fernando Abrúcio, da Fundação Getúlio Vargas (FGV), as medidas têm efeito sobre a opinião do eleitor, especialmente nas camadas de menor renda.- O cenário favorece os pobres e favorece o Lula - afirma Abrúcio.

Mais Sobre Política - Nacional

Delfim Netto: “Próximo presidente vai ser impichado”

Delfim Netto: “Próximo presidente vai ser impichado”

Não é uma previsão catastrofista, garante, mas uma "leitura simples" a partir do que o sistema político-eleitoral foi capaz de produzir até hoje

Gleisi vence de goleada acusação farsesca: 5 a 0

Gleisi vence de goleada acusação farsesca: 5 a 0

Por unanimidade, a 2ª Turma do STF absolveu a senadora Gleisi Hoffmann, seu marido, o ex-ministro Paulo Bernardo, e o empresário Ernesto Kugler das ac

STF confirma julgamento da liberdade de Lula no dia 26

STF confirma julgamento da liberdade de Lula no dia 26

Após a convocação de uma sessão extraordinária para a próxima terça-feira, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal confirmou a inclusão na pauta

Pimenta avisa: CPI das delações fará seu trabalho

Pimenta avisa: CPI das delações fará seu trabalho

A quem interessa tolher o poder de investigação do Parlamento brasileiro?