Porto Velho (RO) domingo, 24 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Dívida de agricultores deve chegar a R$ 6 bilhões em outubro


Eliane Oliveira, Agência O GloboBRASÍLIA - Até o final de outubro, o Banco do Brasil já terá prorrogado dívidas dos agricultores no valor de R$ 6 bilhões. Até o final de agosto o montante refinanciado em até cinco anos com juros de 5,75% chegou a R$ 5 bilhões. Segundo o diretor de Crédito Rural do banco, Ricardo Conceição, além da prorrogação das dívidas, os produtores estão sendo também beneficiados com uma queda de 20,3% dos custos da produção. Isso se deve principalmente à redução dos preços dos principais insumos.- Mesmo com o aumento dos preços internacionais dos fertilizantes, ocorreu redução nos preços dos fretes e recuo da taxa de câmbio no Brasil.Conceição afirmou ainda que não se surpreenderá se a taxa agrícola do ano que vem ficar no mesmo patamar da atual - em torno de 119 milhões de toneladas. Associações representativas dos produtores rurais, no entanto, esperam uma redução da produção.

Mais Sobre Política - Nacional

Marco Aurélio Mello culpa Cármen Lúcia por prisão ilegal de Lula

Marco Aurélio Mello culpa Cármen Lúcia por prisão ilegal de Lula

 247 – Um dia depois de denunciar à televisão portuguesa que o ex-presidente Lula está preso ilegalmente no Brasil (saiba mais aqui), o ministro Marco

 'Decisão de Fux já custou mais de R$ 4 bi ao País'

'Decisão de Fux já custou mais de R$ 4 bi ao País'

"Uma decisão tomada há quase quatro anos pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, já custou mais de R$ 4 bilhões aos cofres públicos sem

No mesmo dia em que manobrou contra Lula, Fachin livrou Temer

No mesmo dia em que manobrou contra Lula, Fachin livrou Temer

Fachin arquivou uma investigação da Polícia Federal que recaía contra Temer. A apuração era sobre um manuscrito apreendido no gabinete do senador pel

Ministro de Temer fala em 'guerra letal' nas favelas e avisa que 'criança bonitinha' pode virar alvo

Ministro de Temer fala em 'guerra letal' nas favelas e avisa que 'criança bonitinha' pode virar alvo

"Você vê uma criança bonitinha, de 12 anos de idade, entrando em uma escola pública, não sabe o que ela vai fazer depois da escola. É muito complicado