Porto Velho (RO) quinta-feira, 17 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Descredenciado médico que cobrou por cirurgia de córneas


Agência O GloboRIO - O médico que pediu dinheiro para fazer um transplante de córnea num paciente do SUS foi descredenciado para fazer esse tipo de cirurgia. O oftalmologista e o coordenador da central de transplantes do Pará prestaram depoimento no Ministério Público Estadual.A Clínica São Lucas, em Ananindeua, onde o paciente foi chamado para receber a córnea não está autorizada a fazer transplantes.- Nós não temos nenhuma clínica autorizada de transplante de córnea no município de Ananindeua - afirmou Fernando de Souza, coordernador da Central de Transplantes.O médico Hugo Azevedo da Silva teve cancelada a autorização para realizar transplantes. O oftalmologista também foi ouvido pelo promotor que investiga o caso.Na quarta-feira, o Jornal Nacional mostrou o médico pedindo R$ 2.600 para fazer um transplante de córnea num paciente do SUS. O oftalmologista admitiu a cobrança, mas disse que a cirurgia era particular.- Eu não faço transplante pelo SUS, a minha cirurgia seria feita de modo privado, particular - afirmou ele.Na quarta-feira, por telefone, o médico havia dito que fazia transplantes de córnea pelo SUS:- Passa a córnea pelo SUS e eu faço pelo SUS. Eu sou credenciado pelo SUS - disse ele antes.O Ministério Público chamou para prestar depoimento na segunda-feira a responsável pelo Banco de Olhos em Belém. Já que o médico alega, agora, que não faz transplante pelo Sistema Único de Saúde, o promotor quer saber então porque a córnea de um paciente do SUS foi enviada pra ele.Segundo o Ministério da Saúde, o oftalmologista Hugo Azevedo da Silva realizou três transplantes de córnea pelo SUS.

Mais Sobre Política - Nacional

HASTA LA VISTA, BAMBINO

HASTA LA VISTA, BAMBINO

Césare Battisti buscou a proteção de Evo Morales, seu aliado de esquerda.

Jair Bolsanaro assina decreto e  pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

Jair Bolsanaro assina decreto e pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

A partir do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro hoje (15), no Palácio do Planalto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão compra

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

São casos exemplares que demonstram comportamentos opostos dos governos

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

O governo federal vai fazer uma auditoria em 2 milhões de benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que têm indícios de irregul