Porto Velho (RO) quinta-feira, 9 de julho de 2020
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Congresso Nacional só volta a funcionar depois do Carnaval


Iolando Lourenço
Agência Brasil


Brasília - Os deputados e senadores só voltam ao Congresso Nacional após o Carnaval de 2008. A sessão solene de reabertura dos trabalhos legislativos está marcada para o dia 6 de fevereiro, na Quarta-feira de Cinzas, às 16 horas.

Ao retomar os trabalhos, deputados e senadores terão uma pauta repleta de matérias que ficaram pendentes de deliberação este ano, principalmente em função da votação da proposta de emenda à Constituição que prorrogava a cobrança da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF).

Os deputados começam a semana de 11 a 15 de fevereiro com a pauta de votações trancada por seis medidas provisórias e três projetos de lei com pedido de urgência constitucional vencidos.

A primeira MP na pauta de votações é a 395, que abre crédito extraordinário em favor de diversos órgãos do Poder Executivo, no valor de R$ 3,2 bilhões. Essa MP começou a trancar a pauta de votações da Câmara em 12 de novembro e não foi votada para evitar o trancamento da pauta de votações do Senado, o que dificultaria a votação da CPMF.

A última votação de matéria legislativa na Câmara foi no dia 20 de novembro, quando os deputados rejeitaram emendas aprovadas pelo Senado à MP 388, que dispõe sobre o funcionamento do comércio aos domingos e feriados.

A partir de 21 de novembro, a base aliada do governo passou a obstruir as votações de plenário para impedir que MPs fossem votadas e passassem automaticamente a trancar a pauta de votações do Senado e prejudicasse a votação da CPMF.

Todo esforço feito na Câmara para impedir as votações tinha o objetivo de facilitar a aprovação da CPMF.

Com a rejeição da CPMF pelos senadores, nem o Orçamento-Geral da União para o ano que vem pode ser votado. A votação da proposta orçamentária estava marcada para o dia 20 de dezembro. Mas o orçamento terá que ser refeito, para se adequar à perda de cerca de R$ 40 bilhões da arrecadação da CPMF.

 

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu