Porto Velho (RO) quinta-feira, 21 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

CNI/Ibope: Lula aumenta vantagem sobre Alckmin e chega aos 50%


Ilimar Franco - Agência O GloboBRASÍLIA - A 16 dias das eleições, a pesquisa CNI/Ibope divulgada nesta sexta-feira mostra que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva aumentou a vantagem sobre o tucano Geraldo Alckmin e venceria no primeiro turno. Lula tem 50% das intenções de voto, contra 29% de Alckmin. Heloísa Helena, do PSOL, mantém o terceiro lugar, com 9% das intenções de voto. Cristovam Buarque, do PDT, tem 2%. Juntos, José Maria Eymael, do PSDC, Rui Costa Pimenta, do PCO, e Ana Maria Rangel, do PRP, somam 3%. Votos brancos e nulos somam 5% e indecisos 4%.Na pesquisa Ibope/TV Globo do dia 7 de setembro, Lula tinha 48%, Alckmin 27%, Heloísa Helena os mesmos 9%, Cristovam 1% e Ana Maria Rangel 1%. Os outros candidatos não pontuaram.Num eventual turno, Lula teria 53% dos votos, contra 37% de Alckmin. Brancos e nulos somam 6%, não sabem somam 4%. Na última pesquisa Ibope/TV Globo, Lula tinha 51% e Alckmin, 37%.Encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), a pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número 16982/2006.

Mais Sobre Política - Nacional

Vídeo: Mariana Carvalho comemora a aprovação do seu projeto em que o agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

Vídeo: Mariana Carvalho comemora a aprovação do seu projeto em que o agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

Projeto da deputada Mariana Carvalho (PSDB-RO) e do deputado Rafael Motta (PSB-RN) é aprovado no Senado Federal. O projeto determina que o agressor

APROVADO – Agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

APROVADO – Agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

O Plenário do Senado aprovou, nesta terça-feira (19), projeto que determina que o agressor nos casos de violência doméstica e familiar será obrigado a

Câmara dos Deputados aprova prioridade de matrícula para filhos de mulher vítima de violência

Câmara dos Deputados aprova prioridade de matrícula para filhos de mulher vítima de violência

Proposta permite ao juiz determinar a matrícula ou transferência de dependentes da mulher vítima de violência independentemente da existência de vagaO

Mulheres são homenageadas na Câmara por se destacarem na luta por direitos

Mulheres são homenageadas na Câmara por se destacarem na luta por direitos

Em sessão solene no plenário da Câmara dos Deputados, a Medalha Mietta Santiago foi entregue hoje (19) a cinco mulheres que se destacaram na luta por