Porto Velho (RO) domingo, 1 de agosto de 2021
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

CNI-IBOPE: Aprovação ao governo Lula é a melhor desde 2003



Brasília - O bom desempenho da economia brasileira melhorou a percepção da população sobre o governo Lula. A avaliação do governo federal atingiu o melhor nível desde a posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em janeiro de 2003, de acordo com a pesquisa CNI-Ibope divulgada hoje pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), em Brasília. O índice de pessoas que consideram o governo ótimo e bom atingiu 58% na  pesquisa, ante 51% na anterior, de dezembro de 2007. Desde a posse de Lula, somente em dezembro de 2006 a avaliação positiva do governo chegou a patamar semelhante, 57%.

O governo recebeu avaliação regular de 30% dos 2.002 eleitores entrevistados. Outros 11% avaliaram o governo como péssimo ou ruim e 1% não soube responder ou não opinou. A diferença entre o ótimo e bom e o ruim e péssimo atingiu, na atual edição da pesquisa, os 47 pontos percentuais, também a maior desde janeiro de 2003.

"Pode-se afirmar que esse resultado expressa, neste momento, o desempenho da economia, como mostram os indicadores de avaliação do governo no campo econômico e a expectativa da população em relação ao futuro", avalia a pesquisa. "O impacto da economia no conjunto das avaliações do governo fica ainda mais nítido quando são observados os itens da agenda econômica", continua o texto. Em todos os itens econômicos registrou-se crescimento da aprovação.

Quando perguntados sobre o combate à inflação, 51% disseram aprovar a estratégia do governo, ante 44% em dezembro de 2007. Em relação aos impostos, 35% disseram aprovar, ante 26% na pesquisa anterior. Quanto à taxa de juros, 39% dos entrevistados aprovaram, ante 32% em dezembro passado. A melhor avaliação foi quanto ao combate ao desemprego, em que 55% dos entrevistados disseram aprovar, ante 47% na última sondagem. A aprovação ao governo também teve recuperação na atual sondagem. Ela subiu de 65% em dezembro passado para 73% neste mês. É o segundo maior índice de aprovação desde março de 2003, quando fora de 75%.

Outro indicador da pesquisa CNI-Ibope que foi recorde nesta edição é a nota média para o governo Lula. Ela ficou em 7,1, numa escala de zero a 10. A melhor nota até então tinha sido o 7 recebido em dezembro de 2006. A confiança ao presidente Lula se recuperou neste mês, ao alcançar 68%, igual a dezembro de 2006. Nesse intervalo, a confiança havia caído para em torno de 60%.

REFORMA TRIBUTÁRIA - A reforma tributária é considerada muito importante por 35% dos entrevistados, enquanto 47% disseram considerá-la importante. Para 9% dos respondentes, ela é pouco importante. A reforma é nada importante para 4% dos eleitores e 5% não responderam ou não opinaram. Essa avaliação foi influenciada, segundo a pesquisa, pela convicção de que a reforma tributária aumentará o ritmo de crescimento econômico, item lembrado por 32% dos entrevistados, e ajudará a criar empregos, na avaliação de 35% dos eleitores.

Além disso, para 31% dos entrevistados, a reforma tributária reduzirá a carga de impostos paga pelos brasileiros. Para 32%, os brasileiros continuarão a pagar a mesma quantidade de impostos e, outros 25% consideram que os contribuintes pagarão mais impostos depois da aprovação da reforma.

A segurança pública no Brasil foi considerada ruim ou péssima pela maioria dos eleitores. Para 22%, a segurança no país é ruim e, para 31%, é péssima. Apenas 3% dos entrevistados disseram avaliar como ótima a segurança pública, ante 15% que disseram ser boa e 29% que responderam que é regular.

A pesquisa foi feita entre os dias 19 e 23 de março, em 141 municípios com 2.002 eleitores. A margem de erro é de dois pontos percentuais para baixo ou para cima e o grau de confiança é de 95%

Fonte: CNI

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu