Porto Velho (RO) sexta-feira, 17 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Chocolates que pesam no bolso


Ione Luques, Agência O GloboRIO - Faltando menos de um mês para a Páscoa, data mais saborosa do calendário, começa a corrida pelos ovos, bombons e milhares de variações de chocolate espalhados por todos os lados. Chocólatra ou não, ninguém escapa pelo menos de comprar uma lembrancinha para a namorada ou namorado, sobrinho, amigo, etc. Quando se tem filhos, então, sofre-se em dobro: normalmente, as crianças escolhem mais de uma novidade - normalmente as mais caras -, e o rombo no bolso é maior ainda. Aqueles que estão de dieta, tormento à vista: não há como resistir a pelo menos um bombonzinho. Ou melhor, um ovinho, de preferência recheado de maravilhas!Mas até quanto o consumidor está disposto a desembolsar para agradar uma pessoa querida? Você estaria disposto a gastar, por exemplo, R$ 124 por um ovo rosa, de chocolate com caramelo?Esta é a opção mais cara que a Kopenhagen, grife sinônimo de chocolate fino, lança nesta Páscoa 2007 para as mulheres. Quem estiver disposto a gastar tal quantia, leva para casa uma obra de arte: o ovo, de 600g, recebe na casca de chocolate ao leite desenhos de rosas em alto relevo, além de um leve camada de caramelo. Traz ainda bombons em forma de botões da flor sinônimo de romance. Para as que preferem o clássico, a Kopenhagen relança o Ovo Gianduia, com o puríssimo chocolate gianduia na casca e nos bombons. O preço é mais acessível: R$ 60.Os homens não foram esquecidos pela grife e foram presenteados com duas opções. O Ovo Bossa Nova, com casca recheada com a versão crocante do bombom e traz um mix de Bossa Nova sortidos. Tudo por R$ 80. Com um preço um pouco mais salgado, a segunda novidade é o Ovo Sport Coco, com casca de puro chocolate ao leite recheada de coco, a R$ 99.A grande promessa da marca nesta Páscoa é o Toca do Coelho, primeiro produto da grife com abertura no sentido horizontal e recheado de cenourinhas de chocolate crocante, que certamente agradará aos baixinhos. A novidade, no entanto, pesa um pouco no bolso: R$ 83. Mas para as crianças há preços mais acessíveis, como o do Ovo Dragê da Turminha, nas versões menino e menina, a R$ 53. Também há opções 'familiares', como as cestas com delícias para todos os gostos ( e preços!!!). Entre as marcas mais populares, a Chocolates Garoto apresenta 18 lançamentos este ano, como o Super Baton, versão gigante do chocolate mais vendido para as crianças no Brasil, e o Talento Intense, com 55% de cacau, com antioxidantes naturais e enriquecido com pedaços de amêndoas. O preço sugerido agrada: R$ 24,99.Para aqueles cuja carteira anda mais recheada, há opções para as meninas e meninos, com destaque para o ovo das roqueiras HiHi Puffy Ami Yumi. Por R$ 44,99, além do chocolate, você leva um rádio FM. No entanto, vai gastar mais alguns trocados, já que terá que comprar as pilhas para o aparelhinho funcionar. Entre as novidades para os adultos, para presentear com sofisticação, a empresa desenvolveu nova embalagem para o Mundy Premium. Tanta beleza vai custar R$ 49,99.Com o mote "A Divertida Fábrica de Chocolate", a Nestlé traz seis ovos infantis com brinquedos e sete diferentes produtos sob a marca Alpino. Os campeões de preço são o Gianduia e o Alpino Tripla Camada, que devem chegar às lojas a R$ 52,52, e o Alpino Especialidades, a R$ 40,08. Repetindo o sucesso de 2006, a Nestlé traz a combinação do ovo de Páscoa com o sorvete: o Alpino ovo com sorvete Nestlé - casca chocolate de ovo Alpino recheada de sorvete de Chocolate Alpino - e o Prestígio ovo com sorvete Nestlé - casca de chocolate ao leite Nestlé recheado com Sorvete Prestígio (sorvete de coco, raspas de coco e flocos de chocolate).Feitas as contas, o jeito é relaxar e aproveitar, principalmente com as crianças, a brincadeira de procurar os chocolates pela casa. E como ninguém é de ferro, também desfrutar das delícias. Depois, compensa-se a subida do ponteiro da balança nas dietas e nas academias!!!

Mais Sobre Política - Nacional

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di

Sonegação de R$ 26 bi do Itaú vai a julgamento. É a maior da história

Sonegação de R$ 26 bi do Itaú vai a julgamento. É a maior da história

Está revogada a decisão do Carf que havia livrado o banco de pagamento de multa de R$ 26 bilhões por sonegação de impostos; é a maior da história...