Domingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

China consume 15% da energia do planeta em 2006


Agência O Globo PRQUIM - A China consumiu, em 2006, 15% da energia do planeta para produzir 5,5% do Produto Interno Bruto (PIB) global, uma "situação insustentável", segundo o vice-primeiro-ministro chinês reproduzidas na edição desta segunda-feira do jornal China Daily. -É imprescindível acelerar a mudança do modelo de crescimento para conseguir um desenvolvimento sustentável, recomendou o vice-primeiro-ministro, Zeng Peiyan, ao referir-se às graves restrições ambientais e de recursos, à irracional estrutura industrial e ao diferente desenvolvimento entre campo e cidade na China. O atual modelo de crescimento chinês se baseia em um alto consumo de energia e recursos e, caso isso não mude, a quarta economia do mundo pode começar a cambalear. Zeng prometeu mais reformas nos mecanismos de preço e nos incentivos fiscais, assim como um reforço das medidas de economia de energia e proteção ao meio ambiente. O vice-primeiro-ministro assistiu, nesse fim de semana, a um foro sobre o novo desenvolvimento chinês, do qual também participou o ministro Ma Kai, da Comissão Nacional de Reforma e Desenvolvimento , principal órgão de planejamento econômico da China. -A média de crescimento da economia chinesa é inspiradora, mas uma das maiores preocupações é que temos pago um preço muito alto em ambiente e recursos para conseguí-lo, explicou Ma. A economia chinesa cresceu 10,7% no ano passado, enquanto que a receita também aumentou e a inflação se manteve baixa. No entanto, a ineficácia no uso de energia é um problema grave em um dos países mais poluidores do mundo. O PIB chinês atingiu US$ 2,16 bilhões em 2006, o que representa 5,5% do mundial, mas o consumo energético da China supõe 15% do total, com percentuais mais altos em aço (30%) e cimento (54%), dois dos setores industriais mais poluentes e de maior consumo energético. Os motivos desta baixa eficiência são a rapidez da urbanização e industrialização, uma produção de alto consumo energético, e o caráter extensivo do crescimento chinês.

Gente de OpiniãoDomingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Domingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)