Porto Velho (RO) quinta-feira, 17 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Campanha de Alckmin já sofreu duas baixas em Sergipe


Gerson Camarotti - Agência O Globo BRASÍLIA - Uma rebelião no PSDB de Sergipe já provocou duas baixas na campanha do tucano Geraldo Alckmin em apenas um mês. O racha ocorreu depois que o partido resolveu apoiar a reeleição do governador João Alves Filho, do PFL. Desde 1998 o PSDB e o PFL eram adversários no estado.Neste período, dois presidentes do PSDB no estado renunciaram ao cargo e saíram do partido para anunciar apoio à reeleição do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e à eleição do ex-prefeito de Aracaju Marcelo Déda, candidato ao governo do estado. O PSDB nacional já avisou que não aceitará tucano apoiando o PT.O comando nacional da campanha de Alckmin demonstra preocupação com a situação em Sergipe, apesar de ser um estado pequeno. Por isso, o ex-governador Albano Franco, principal líder tucano no estado, está sendo convocado para tentar reverter a crise no ninho tucano.A presidente do PSDB de Sergipe, a prefeita de Itabaiana, Maria Mendonça, rompeu formalmente nesta sexta-feira com o candidato do PFL, que tem em sua chapa o deputado estadual Fabiano Oliveira (PSDB) como vice. E anunciou apoio a Lula e a Déda numa solenidade em Aracaju.No fim de junho, o deputado federal Bosco Costa, que comandava o PSDB estadual, já havia deixado o partido para apoiar Lula e Déda. Ele deixou a legenda depois que o PSDB decidiu fechar aliança com João Alves.- O próprio Alckmin foi avisado de que isso iria ocorrer. O PSDB em Sergipe está rachado e a candidatura dele será atingida por isso. Vários prefeitos tucanos também já decidiram apoiar Lula - afirmou Bosco Costa, que já pediu desligamento do PSDB.

Mais Sobre Política - Nacional

HASTA LA VISTA, BAMBINO

HASTA LA VISTA, BAMBINO

Césare Battisti buscou a proteção de Evo Morales, seu aliado de esquerda.

Jair Bolsanaro assina decreto e  pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

Jair Bolsanaro assina decreto e pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

A partir do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro hoje (15), no Palácio do Planalto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão compra

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

São casos exemplares que demonstram comportamentos opostos dos governos

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

O governo federal vai fazer uma auditoria em 2 milhões de benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que têm indícios de irregul