Porto Velho (RO) terça-feira, 13 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Camata deve reassumir cargo no Senado para ajudar PMDB a ser a maior bancada


Agência O GloboVITÓRIA - O senador licenciado Gerson Camata (PMDB-ES) deve deixar o cargo de secretário de Transportes e Obras Públicas do Espírito Santo e voltar ao Senado em janeiro do ano que vem. A presença de Camata na Casa é estratégica para que o PMDB faça a maior bancada, e não o PFL, como teme o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL).Atualmente, o PMDB tem a maior bancada no Senado com 20 parlamentares. Já o PFL tem 16. Com as eleições, o PMDB passou a ter 17 e o PFL 18. Por isso, se Camata voltar e o suplente da senadora Roseana Sarney (PFL), Mauro Fecury, que é do PMDB, assumir - caso Roseana vença as eleições para o governo do Maranhão -, o PMDB ficaria com 19 senadores e voltaria, portanto, a ser a maior bancada.Na noite da última terça-feira, Camata se reuniu com Renan Calheiros para tratar do assunto. No encontro, o presidente do Senado pediu que o político capixaba voltasse às atividades em Brasília. Para isso, ofereceu ao senador licenciado uma vaga na Mesa Diretora ou um posto em alguma comissão.- O Renan me disse que acredita que o Lula está reeleito, então, acha que o partido vai ter um papel muito importante, talvez mais agora do que antes. Se a presidência do Senado for do PFL, a situação do Lula complicará muito. Ele me ofereceu uma vaga na Mesa Diretora ou em alguma comissão para eu poder voltar e eu tenho interesse na Comissão de Fiscalização Financeira, que é muito boa e está sendo mal usada - contou Camata.Embora tenha balançado com o convite, Gerson Camata afirmou que ainda precisa conversar com o governador Paulo Hartung (PMDB-ES) para conseguir ser liberado. Entretanto, ele acredita que Hartung tenha sensibilidade diante da ocasião e aja a favor do fortalecimento do partido.

Mais Sobre Política - Nacional

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

A juíza federal substituta Gabriela Hardt negou, nesta terça-feira (13), o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

A pasta seria ocupada inicialmente pelo general Augusto Heleno

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

O exame tem validade de cinco anos para condutores com menos de 65 anos.

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro e Boulos precisam decidir se querem dar um passo em frente ou dois passos atrás.