Porto Velho (RO) domingo, 24 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Câmara rejeita medidas provisórias que fortalecem centrais sindicais


Maria Lima - Agência O GloboBRASÍLIA - Os deputados rejeitaram as Medidas Provisórias 293 e 294, que promovem mudanças no sindicalismo do país. Com quorum de 301 deputados, a votação foi simbólica e significa uma dupla derrota para as centrais sindicais. Confiante em um segundo mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o líder do governo na Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), disse que as propostas não serão esquecidas pelo governo.- Levando em consideração que uma parte do movimento sindical é a favor dessas medidas provisórias, concordamos que nessa legislatura não será enviado nada para a Câmara nesse assunto. Mas o acordo com as centrais sindicais será mantido e o novo governo vai mandar voltar com as medidas provisórias - disse Chinaglia.A MP 293 definia requisitos para as centrais sindicais serem reconhecidas oficialmente como representantes dos trabalhadores em fóruns e colegiados de órgãos público e a de número 294 criava o Conselho Nacional de Relações de Trabalho (CNRT), órgão vinculado ao Ministério do Trabalho com representantes do governo federal, dos trabalhadores e dos empregadores.Após a votação, os sindicalistas, que protestaram durante todo o dia ontem no Congresso, cantaram o Hino Nacional. Eles alegavam que as medidas concentravam poder nas centrais sindicais, enquanto retiravam dos sindicatos o direito de fazer as negociações salariais e receber o percentual da contribuição sindical.Os próximos itens na pauta de votação são a lei geral das micro e pequenas empresas e a medida provisória da Timemania.

Mais Sobre Política - Nacional

Marco Aurélio Mello culpa Cármen Lúcia por prisão ilegal de Lula

Marco Aurélio Mello culpa Cármen Lúcia por prisão ilegal de Lula

 247 – Um dia depois de denunciar à televisão portuguesa que o ex-presidente Lula está preso ilegalmente no Brasil (saiba mais aqui), o ministro Marco

 'Decisão de Fux já custou mais de R$ 4 bi ao País'

'Decisão de Fux já custou mais de R$ 4 bi ao País'

"Uma decisão tomada há quase quatro anos pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, já custou mais de R$ 4 bilhões aos cofres públicos sem

No mesmo dia em que manobrou contra Lula, Fachin livrou Temer

No mesmo dia em que manobrou contra Lula, Fachin livrou Temer

Fachin arquivou uma investigação da Polícia Federal que recaía contra Temer. A apuração era sobre um manuscrito apreendido no gabinete do senador pel

Ministro de Temer fala em 'guerra letal' nas favelas e avisa que 'criança bonitinha' pode virar alvo

Ministro de Temer fala em 'guerra letal' nas favelas e avisa que 'criança bonitinha' pode virar alvo

"Você vê uma criança bonitinha, de 12 anos de idade, entrando em uma escola pública, não sabe o que ela vai fazer depois da escola. É muito complicado