Porto Velho (RO) segunda-feira, 11 de novembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Câmara espera economizar R$ 47 milhões por ano com demissões


Isabel Braga - AGência O GloboBRASÍLIA - Uma nova estimativa divulgada pela Câmara no fim da tarde conclui que o corte de mais de mil cargos de natureza especial (CNEs) deve gerar uma economia de cerca de R$ 47 milhões por ano aos cofres públicos, que corresponde a 40% dos R$ 117 milhões gastos por ano com esses cargos, já incluindo o 13º salário. Por mês, o gasto é de R$ 9 milhões.O ato da Mesa com os cortes será publicado nesta quarta-feira e prevê a assinatura de ponto, todos os dias, a partir de outubro. O chefe do funcionário poderá dispensar o ponto por até cinco dias por mês, mas ela dependerá de autorização do titular do órgão e terá que ser comunicada ao departamento de pessoal até o quinto dia útil do mês seguinte. A partir da publicação, os titulares dos órgãos terão 20 dias para indicar os funcionários que devem ser mantidos.O texto da Mesa diz que as exonerações começarão a ser feitas "a partir de 3 de outubro". Mais cedo, no entanto, o presidente da Câmara, Aldo Rebelo, disse que os cortes seriam feitos "até" o dia 3 de outubro.

Mais Sobre Política - Nacional

Supremo Tribunal Federal mantém decisão que proíbe gestantes em atividade insalubre

Supremo Tribunal Federal mantém decisão que proíbe gestantes em atividade insalubre

Por unanimidade e em ambiente virtual, o Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou recurso da Advocacia-Geral da União (AGU) e manteve a decisão, tomada

Boa notícia: Lula dará ao velho amigo 1ª entrevista fora da prisão

Boa notícia: Lula dará ao velho amigo 1ª entrevista fora da prisão

Neste ano e meio que ele está preso, não tive condições de viajar a Curitiba e fiquei esperando o amigo sair da prisão para poder falar com ele, certo

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p