Porto Velho (RO) sábado, 21 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Câmara aprova pacote de projetos contra exploração sexual


Agência O GloboBRASÍLIA - A Câmara aprovou nesta quinta-feira três projetos que têm como objetivo coibir a exploração sexual e foram apresentados pela CPI mista sobre o problema na legislatura passada. Os três projetos ainda terão que ser apreciados pelo Senado. Entre as propostas está a que especifica situações relacionadas à produção e à divulgação de cenas de sexo explícito ou pornográficas envolvendo criança ou adolescente.Hoje, a lei prevê pena de 2 a 6 anos para quem apresentar, produzir, vender, fornecer, divulgar ou publicar, por qualquer meio de comunicação, imagens com pornografia envolvendo crianças ou adolescentes. Durante a sessão desta quinta, foram incluídas na tipificação de crime portar e comprar esse tipo de material. E explicitado que entre os infratores deste tipo de crime estão os que agenciam, autorizam ou facilitam este tipo de prática, inclusive pela Internet.Também foi aprovado, o projeto que obriga diversos estabelecimentos comerciais a exibirem letreiros informando que é crime submeter crianças ou adolescentes à prostituição ou à exploração sexual. Os estabelecimentos que desrespeitarem a lei estarão sujeitos a multa e fechamento. Além de hotéis, bares, restaurantes, também terão que colocar o cartaz lanchonetes, casas noturnas, salões de beleza, agências de modelos, casas de massagem, saunas, academias de ginástic, de dança, postos de gasolina, clubes.O terceiro projeto altera o Estatuto da Criança e do Adolescente para proibir que hoteis, moteis ou similares hospedem menores de idade desacompanhados, sem autorização dos pais ou de um juiz. Hoje a lei já prevê multa se hotel que for flagrado hospedando menores e em caso de reincidência, fechamento por 15 dias. O projeto aprovado permite o fechamento definitivo, com cassação da licença de funcionamento, se o estabelecimento praticar a reincidência em um período inferior a 30 dias ou se adotar essa conduta de maneira contumaz.A Câmara aprovou ainda projeto que garante à mulher trabalhadora da iniciativa privada ou pública o direito a dispensa do trabalho, uma vez no ano, para a realização de examespreventivos anuais previstos em programas de atenção integral à mulher do Ministério da Saúde. O projeto segue agora à sanção presidencial.

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç