Porto Velho (RO) terça-feira, 13 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Caixa ultrapassa os R$ 11 bilhões em financiamentos


Luciana Casemiro - Agência O GloboRIO - De janeiro até agora, foram aplicados R$ 11,4 bilhões em financiamentos habitacionais - o maior recorde da Caixa Econômica Federal dos últimos tempos -, volume 96% superior ao aplicado em igual período de 2005. Recursos que já beneficiaram 517 mil famílias (75% de baixa renda), o que representa novas ou melhores moradias para mais de 2 milhões de brasileiros.A expectativa da Caixa é chegar a R$ 14 bilhões aplicados em habitação até o final do ano. Apenas com recursos do FGTS foram R$ 6,3 bilhões - R$ 1,6 bilhão de subsídios -, que financiaram 315 mil unidades, das quais 86% para famílias com renda mensal de até cinco salários mínimos (faixa onde estão concentrados 92% do déficit habitacional de 7,2 milhões).No caso das famílias com renda de até três mínimos, o percentual de atendimento subiu dos 23%, em 2003, para 60%, em 2006. Em recursos próprios, a Caixa já investiu R$ 3,1 bilhões, um volume 100% maior que todo o realizado no ano passado.

Mais Sobre Política - Nacional

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

A juíza federal substituta Gabriela Hardt negou, nesta terça-feira (13), o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

A pasta seria ocupada inicialmente pelo general Augusto Heleno

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

O exame tem validade de cinco anos para condutores com menos de 65 anos.

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro e Boulos precisam decidir se querem dar um passo em frente ou dois passos atrás.