Porto Velho (RO) segunda-feira, 25 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Caixa ultrapassa os R$ 11 bilhões em financiamentos


Luciana Casemiro - Agência O GloboRIO - De janeiro até agora, foram aplicados R$ 11,4 bilhões em financiamentos habitacionais - o maior recorde da Caixa Econômica Federal dos últimos tempos -, volume 96% superior ao aplicado em igual período de 2005. Recursos que já beneficiaram 517 mil famílias (75% de baixa renda), o que representa novas ou melhores moradias para mais de 2 milhões de brasileiros.A expectativa da Caixa é chegar a R$ 14 bilhões aplicados em habitação até o final do ano. Apenas com recursos do FGTS foram R$ 6,3 bilhões - R$ 1,6 bilhão de subsídios -, que financiaram 315 mil unidades, das quais 86% para famílias com renda mensal de até cinco salários mínimos (faixa onde estão concentrados 92% do déficit habitacional de 7,2 milhões).No caso das famílias com renda de até três mínimos, o percentual de atendimento subiu dos 23%, em 2003, para 60%, em 2006. Em recursos próprios, a Caixa já investiu R$ 3,1 bilhões, um volume 100% maior que todo o realizado no ano passado.

Mais Sobre Política - Nacional

Marco Aurélio Mello culpa Cármen Lúcia por prisão ilegal de Lula

Marco Aurélio Mello culpa Cármen Lúcia por prisão ilegal de Lula

 247 – Um dia depois de denunciar à televisão portuguesa que o ex-presidente Lula está preso ilegalmente no Brasil (saiba mais aqui), o ministro Marco

 'Decisão de Fux já custou mais de R$ 4 bi ao País'

'Decisão de Fux já custou mais de R$ 4 bi ao País'

"Uma decisão tomada há quase quatro anos pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, já custou mais de R$ 4 bilhões aos cofres públicos sem

No mesmo dia em que manobrou contra Lula, Fachin livrou Temer

No mesmo dia em que manobrou contra Lula, Fachin livrou Temer

Fachin arquivou uma investigação da Polícia Federal que recaía contra Temer. A apuração era sobre um manuscrito apreendido no gabinete do senador pel

Ministro de Temer fala em 'guerra letal' nas favelas e avisa que 'criança bonitinha' pode virar alvo

Ministro de Temer fala em 'guerra letal' nas favelas e avisa que 'criança bonitinha' pode virar alvo

"Você vê uma criança bonitinha, de 12 anos de idade, entrando em uma escola pública, não sabe o que ela vai fazer depois da escola. É muito complicado