Porto Velho (RO) domingo, 16 de junho de 2019
×
Gente de Opinião

Brasil

Brumadinho: Sobe para 160 número de mortos identificados


Divulgação Corpo de Bombeiros de Minas Gerais - Gente de Opinião
Divulgação Corpo de Bombeiros de Minas Gerais

Subiu para 160 o total de óbitos identificados após o rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho (MG).

De acordo com balanço divulgado hoje (11), pelo Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, nove mortos ainda não foram identificados e 160 pessoas seguem desaparecidas – entre funcionários da Vale, terceirizados que prestavam serviços à mineradora e membros da comunidade.

No 18º dia de buscas, as operações contam com um efetivo de 376 homens, incluindo 158 militares de Minas Gerais, 132 de outros estados e 63 da Força Nacional. Há também 22 voluntários que auxiliam as equipes. A tragédia deixou ainda 138 pessoas desabrigadas.  

Os bombeiros continuam  as buscas por vítimas na região de Brumadinho, onde a barragem da mineradora Vale, se rompeu, no dia 25 de janeiro, e um mar de lama atingiu casas, uma pousada, o refeitório da empre e outros locais, deixando mortos e desaparecidos.

Mais Sobre Brasil

Denatran suspende multa para carreta LS com 4º eixo

Denatran suspende multa para carreta LS com 4º eixo

A Polícia Rodoviária não poderá penalizar os condutores de carretas do tipo LS nas quais foram inseridos um quarto eixo e que receberam documento apro

Entrega Interativa: Correios oferece serviço de interrupção de entrega de encomenda

Entrega Interativa: Correios oferece serviço de interrupção de entrega de encomenda

A partir desta semana, todos os clientes dos Correios poderão solicitar a suspensão da entrega de uma encomenda ao destinatário, caso percebam terem s

CNH : Crise e novo comportamento reduzem interesse dos jovens em dirigir

CNH : Crise e novo comportamento reduzem interesse dos jovens em dirigir

Símbolo de maturidade, status e autonomia desde que chegou ao Brasil, em 1891, o automóvel vem perdendo espaço entre os mais jovens. Identificada pelo

A cada 3 horas e 40 minutos uma pessoa morre por acidente de trabalho

A cada 3 horas e 40 minutos uma pessoa morre por acidente de trabalho

O Brasil registra uma morte por acidente de trabalho a cada 3horas e 40 minutos. Segundo o Observatório Digital de Segurança e Saúde do Trabalho, entr