Porto Velho (RO) quarta-feira, 24 de abril de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Biscaia não tem dúvida de que origem do R$ 1,7 milhão é criminosa


Chico de Gois - Agência O GloboCUIABÁ - Depois de reunião com o delegado Diógenes Curado Filho, responsável pelo inquérito que investiga a origem do R$ 1,7 milhão que seria usado para comprar um dossiê contra o tucano José Serra, o presidente da CPI dos Sanguessugas, deputado Antônio Carlos Biscaia (PT-RJ), disse não ter dúvida de que a origem do dinheiro é criminosa.- Que a origem é ilícita não há a menor dúvida. A origem do dinheiro é criminosa. Agora, dizer que é desta ou daquela atividade criminosa ainda é prematuro e leviano - disse.Na semana passada, integrantes da CPI chegaram a dizer que a Polícia Federal suspeitava que parte do dinheiro fosse proveniente do jogo do bicho. Indagado por que tinha certeza de que a origem do dinheiro é criminosa, Biscaia respondeu:- Não há no período, e o levanvamento dos extratos já permite dizer isso, saques lícitos de valores nesse montante. É lógico que a origem é criminosa - disse.Na tarde desta segunda-feira, Biscaia vai se encontrar com o juiz da 2ª Vara Federal de Cuiabá, Jefferson Schneider, para ter acesso aos documentos do inquérito, inclusive ao depoimento de Luiz Antônio Vedoin, apontado como chefe do esquema dos sanguessugas, prestado na semana passada à Justiça Federal.

Mais Sobre Política - Nacional

Senador Marcos Rogério sugere o afastamento cautelar de diretor-geral da ANTT

Senador Marcos Rogério sugere o afastamento cautelar de diretor-geral da ANTT

Na manhã desta terça-feira, durante a abertura da reunião da Comissão de Infraestrutura, o senador Marcos Rogério sugeriu o afastamento cautelar do

Cultura: Contratos de patrocínio da Petrobras passam por revisão, diz Jair Bolsonaro

Cultura: Contratos de patrocínio da Petrobras passam por revisão, diz Jair Bolsonaro

O governo federal determinou a revisão dos contratos da Petrobras que estão em vigor para patrocínios ligados ao setor de cultura. Em publicação hoje 

Decreto de Jair Bolsonaro extingue centenas de canais de participação social em políticas públicas

Decreto de Jair Bolsonaro extingue centenas de canais de participação social em políticas públicas

No pacote divulgado ontem (11) para marcar os 100 dias de governo, o presidente Jair Bolsonaro assinou o Decreto 9.759, que pretende diminuir de 700 p

Senador Confúcio Moura faz intervenção e ministro da Saúde manterá tratamento de saúde especial aos indígenas

Senador Confúcio Moura faz intervenção e ministro da Saúde manterá tratamento de saúde especial aos indígenas

Diversas lideranças indígenas procuraram os vereadores Joveci do Pacarana (PSDB) e Adão Salvatico (PRB), em Espigão do Oeste, para tentar impedir a ex